Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 12 de novembro de 2019.
Dia do Supermercado. Dia Internacional da Qualidade.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 12/11/2019.
Alterada em 12/11 às 03h00min
COMENTAR | CORRIGIR

Braçadas de ouro

Maria Carolina Santiago, paratleta de natação do Grêmio Náutico União

Maria Carolina Santiago, paratleta de natação do Grêmio Náutico União


/JOÃO MATTOS /DIVULGAÇÃO/JC
A pernambucana Maria Carolina Santiago, 34 anos, paratleta de natação do Grêmio Náutico União já carimbou seu passaporte para as Paraolimpíadas de Tóquio, em 2020. Diagnosticada com a síndrome de Morning Glory - anomalia congênita que a privou da visão periférica -, acabou se tornando nadadora paraolímpica em 2018, e no Peru, em seu primeiro Parapan, em agosto, conquistou quatro medalhas de ouro na categoria S12 de natação, batendo o recorde parapan-americano nos 100m peito, 100m costas e 50 m livre. Recentemente, voltou dos Jogos de Londres, onde foi campeã mundial. Carol e os demais atletas paraolímpicos do União comprovam que esta é uma categoria de esporte de alto rendimento, exigindo treinos tão rigorosos quanto os de atletas convencionais.
A pernambucana Maria Carolina Santiago, 34 anos, paratleta de natação do Grêmio Náutico União já carimbou seu passaporte para as Paraolimpíadas de Tóquio, em 2020. Diagnosticada com a síndrome de Morning Glory - anomalia congênita que a privou da visão periférica -, acabou se tornando nadadora paraolímpica em 2018, e no Peru, em seu primeiro Parapan, em agosto, conquistou quatro medalhas de ouro na categoria S12 de natação, batendo o recorde parapan-americano nos 100m peito, 100m costas e 50 m livre. Recentemente, voltou dos Jogos de Londres, onde foi campeã mundial. Carol e os demais atletas paraolímpicos do União comprovam que esta é uma categoria de esporte de alto rendimento, exigindo treinos tão rigorosos quanto os de atletas convencionais.

Agenda

  • Inauguração, hoje, do Baltoro Porto Alegre, novo espaço de bar e cigar lounge, na rua 24 de Outubro.
  • A Associação Leopoldina Juvenil encerrará sua agenda da temporada social, no dia 23 de novembro, às 21h, com a Tropical ALJ Party.
  • O chef Mamadou Sène irá ministrar o Curso Rápido de Happy Hour Mexicano, no dia 28 de novembro, no Espaço Gourmet, da AABB Porto Alegre.
  • O diretor Luiz Arthur Nunes lançará no dia 15, Amigos para Sempre, sobre a atriz Tônia Carrero, na Feira do Livro.
     
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Ivan Mattos traz com exclusividade conteúdos sobre estilo de vida, turismo, atrações culturais e eventos de interesse para a sociedade gaúcha. A sua conexão com o que de mais importante acontece em Porto Alegre e no RS!