Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 09 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Affonso Ritter

Observador

Edição impressa de 09/01/2019. Alterada em 08/01 às 21h55min

Contra plástico descartável

A União Europeia aprovou um plano de regulamentação, que ainda precisa ser referendado pelo Parlamento Europeu e países membros, para proibir produtos plásticos descartáveis, como pratos e canudos, com vigência daqui a dois anos. Sua finalidade é ajudar a conter as quantidades astronômicas de lixo plástico que acabam por poluir o meio ambiente e os oceanos. Mas, inicialmente, a proibição afetará somente objetos para os quais já existem alternativas melhores. Aliás, o canudo de plástico talvez seja o primeiro produto descartável a ser banido no planeta. Há um movimento mundial crescente, que já conta com a adesão de muitas redes de restaurantes, pela sua substituição por outros materiais como o papel.
No primeiro andar
Os apartamentos localizados no primeiro andar sempre apresentaram preços menores, principalmente devido ao barulho e falta de privacidade. Mas o conceito de apartamento garden foi incorporado, valorizando esse tipo de imóvel, com as construtoras investindo cada vez mais em alternativas capazes de valorizá-los, como apartamentos com jardins, piscinas, quintais, entre outros diferenciais.
Tênis 100% vegano
Uma parceria entre as marcas curitibanas Whatafuck Hamburgueria e Öus Brasil, referência nacional na produção independente de calçados, acaba de lançar no mercado um tênis 100% sustentável e vegano. O Whatafuck é inédito, não tem qualquer material ou composto de origem animal na sua confecção. Até o cabedal é de um tecido de PET reciclado.
O Arenas Curumin
A Wagnerpar (ex-grupo Capão Novo) inaugurou esta semana o showroom de vendas do Arenas Curumin novo condomínio de alto padrão entre Curumim e Arroio Teixeira, em local mais próximo da Rota do Sol. A área é de 130 mil metros quadrados a 300 metros do mar e projetado para ter uma vista de 360° para o mar. A boa nova é que já começaram as obras com terraplanagem e escavação de lagos.
Nova Espaçolaser
A Espaçolaser, referência em tratamento de depilação a laser no Brasil e no mundo, acaba de inaugurar no Bourbon Ipiranga o 8º ponto de venda de Porto Alegre e o 22º no Estado, para 1.800 procedimentos mensais. Em 2018, a empresa cresceu 30% em número de unidades, inaugurando 130 novas operações e fechando o ano com 420, foco em cidades de até 80 mil habitantes.
O grupo G5 investe
Após dois anos de operação, o G5 - grupo de negócios composto por um ecossistema de nove empresas - anuncia investimento de R$ 2 milhões para 2019 em novas sedes em Porto Alegre e Florianópolis. Liderado pelo CEO, João Satt, ele tem como foco colaborar para transformar marcas em marcas destino, por meio da inovação de valor. Outra novidade será o lançamento de duas startups.
Rede de lanchonetes temáticas
Uma lanchonete, nascida em 2011 em Capão da Canoa pelas mãos de Ari Andrade da Silva, abre amanhã em Novo Hamburgo sua 16ª unidade, para mais de 420 pessoas, investimento de R$ 400 mil. É a Mundo Animal, que tem como diferenciais a decoração e cardápio temáticos, inspirados na selva, além de espaço kids, aberta diariamente das 18h 30m à meia noite. Hoje a rede tem a meta de estar presente nas principais cidades do Brasil, a começar pelo Sul do País. O plano de expansão para este ano contempla ao menos outras 10 unidades, entre elas em cidades como Canoas, Florianópolis, São Leopoldo, Chapecó e Gramado.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia