Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 06 de dezembro de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Affonso Ritter

Observador

Edição impressa de 06/12/2018. Alterada em 05/12 às 22h01min

Um choque de capitalismo

O otimismo pós-eleições, que se reproduz principalmente no ambiente empresarial, contagiou fortemente a direção da Fecomércio-RS a se terem em conta as opiniões de seu presidente, expressas no almoço de fim de ano aos jornalistas. Segundo Luiz Carlos Bohn, não houve apenas uma troca de governo como tem acontecido nos últimos anos - "todos muito parecidos" - mas uma mudança de mentalidade refletida na escolha dos ministros, onde destacou o ex-juiz Sérgio Moro na Justiça para "extirpar a corrupção" e Paulo Gudes na Economia, para "aplicar um choque de capitalismo". Para o presidente da Fecomércio-RS é hora de "acabar com o entulho estatizante", através de ousado programa de privatizações que no estado incluiria até o Banrisul. E repetiu com Bolsonaro: "Mais Brasil e menos Brasília".
O nome da mudança
Esta mudança que "implodiu o sistema partidário" até já recebeu nome. Seria um presidencialismo por delegação em substituição ao presidencialismo de coalizão. E tanta é a confiança nela que algumas afirmações mais recentes do presidente Bolsonaro, como o de fatiar a reforma da previdência para facilitar a aprovação, são vistas mais como deslize de linguagem do que recuo no conteúdo.
Energia fotovoltaica
A EGP Energy, de São Leopoldo, especializada em sistemas de energia fotovoltaica inaugura hoje suas novas instalações, adequadas ao crescimento da demanda. Prestes a completar três anos, a empresa encerra 2018 com aumento de 380% no número de instalações de usinas, que geram uma potência instalada de 1,5 megawatts de energia, suficiente para 3,75 mil casas. O evento contará com a presença do jogador Patrick William Sá do Esporte Clube Ceará, sócio da empresa.
Uma escola de futebol
A Inter Academy, escola de futebol da Internazionale de Milão, chega em março próximo a Porto Alegre, mas já neste sábado haverá um teste de nivelamento na Soccer City, para direcionar os alunos às turmas adequadas, sem excluir ninguém. As categorias vão do Sub-05 ao Sub-17 (meninos e meninas). Na escola, os alunos aprendem o novo método europeu de treinamento, o mesmo utilizado pelo time da Inter de Milão.
Uma rede de oficinas butique
A meta de inovar a prestação de serviços de oficinas mecânicas levou o empresário Nicholas Silva da Rosa a desenvolver um plano diferenciado de negócios, ao criar o conceito da ConnectCar. A nova rede de oficinas estilo butique inaugurou ontem no bairro Santa Cecília sua primeira loja em Porto Alegre. A empresa traz no seu DNA a valorização do cliente com a criação do primeiro clube de assinatura de serviços de manutenção automotiva, o ConnectClub, e a busca pela sustentabilidade para minimizar os impactos gerados pelos automóveis ao meio ambiente. O modelo será franqueado e a meta é abrir 50 novas oficinas em 5 anos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia