Porto Alegre, quarta-feira, 18 de novembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 18 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Mercado Digital

- Publicada em 20h00min, 17/11/2020. Atualizada em 13h39min, 18/11/2020.

Sweden Innovation Days aproxima empresas do Tecnosinos do mercado global

Susana diz que projeto envolve players de 10 países na busca de soluções de Inteligência Artificial

Susana diz que projeto envolve players de 10 países na busca de soluções de Inteligência Artificial


CLAITON DORNELLES /JC
Acontece até a próxima quinta-feira (19) o  Sweden Innovation Days, evento on-line que busca estabelecer relações entre os principais atores da inovação em todo o mundo e ampliar o desenvolvimento de projetos colaborativos com uso de Inteligência Artificial. O Parque Tecnológico São Leopoldo - Tecnosinos é o único brasileiro escolhido como parceiro do evento.
Acontece até a próxima quinta-feira (19) o  Sweden Innovation Days, evento on-line que busca estabelecer relações entre os principais atores da inovação em todo o mundo e ampliar o desenvolvimento de projetos colaborativos com uso de Inteligência Artificial. O Parque Tecnológico São Leopoldo - Tecnosinos é o único brasileiro escolhido como parceiro do evento.
O tema da internacionalização é marcante na história do ecossistema de inovação gaúcho, seja através da presença de empresas globais sediadas seja pela presença das suas startups em mercados internacionais.  “Sermos o parque tecnológico brasileiro parceiro nesta estratégia global de inovação muito nos orgulha. Significa reconhecimento pelo trabalho que realizamos e pelo grau de excelência das empresas com as quais interagimos”, destaca a diretora de inovação da Unisinos e CEO do Tecnosinos, Susana Kakuta.
O projeto envolve startups e empresas líderes de 10 países na busca e oferta de soluções tecnológicas no campo da Inteligência Artificial. É um desafio para ressignificar as relações de importância da tecnologia produzida localmente numa perspectiva de mercado global. Para Susana, significa colocar startups gaúchas em contato com grandes demandas globais de IA, e ao mesmo tempo, proporcionar acesso às grandes empresas locais ao que está disponível de mais inovador em tecnologia aplicada de IA. “É uma oportunidade inédita de atuação global, num tema absolutamente portador de futuro. Ganhamos todos. As nossas dez startups que fazem parte do ecossistema de inovação do Estado e as nossas grandes empresas demandadoras de inovação nesta área”, destaca.
O secretário estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luís Lamb, explica que a parceria entre o Tecnosinos e a Suécia é resultado da missão governamental de trabalho ao País, coordenada pela SICT em novembro de 2019, que também passou por Israel e Estônia. Os destinos foram escolhidos por serem considerados os mais avançados do mundo no que tange a tecnologias digitais estratégicas, desenvolvimento econômico baseado em conhecimento e inovação nos negócios.
“Através do programa Parcerias Estratégicas realizamos essa articulação e a consequente internacionalização dos ambientes de inovação gaúchos. Seguimos caminhando para o fortalecimento dessas conexões com o objetivo de consolidar o nosso Estado como referência em inovação, ciência e tecnologia em nível global”, afirma Lamb.
Comentários CORRIGIR TEXTO