Porto Alegre, quarta-feira, 05 de agosto de 2020.
Dia Nacional da Saúde/ Farmácia .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 05 de agosto de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

- Publicada em 19h41min, 04/08/2020. Atualizada em 17h29min, 05/08/2020.

Com posicionamento consistente, Natura vê ativos sociais dispararem

Campanha ♯MeuPaiPresente gerou muita discussão na internet

Campanha ♯MeuPaiPresente gerou muita discussão na internet


NATURA/DIVULGAÇÃO/JC
O Dia dos Pais ainda nem chegou, mas a campanha da Natura #MeuPaiPresente já criou buzz suficiente para mexer com o mercado e colocar em debate uma conversa importante sobre a “masculinidade de forma mais aberta e leve, livre de estereótipos”, segundo a própria visão da empresa. Tudo pela presença de Thammy Miranda como um dos influenciadores que publicaram vídeos nas redes sociais contando sobre a experiência de ser pai.
O Dia dos Pais ainda nem chegou, mas a campanha da Natura #MeuPaiPresente já criou buzz suficiente para mexer com o mercado e colocar em debate uma conversa importante sobre a “masculinidade de forma mais aberta e leve, livre de estereótipos”, segundo a própria visão da empresa. Tudo pela presença de Thammy Miranda como um dos influenciadores que publicaram vídeos nas redes sociais contando sobre a experiência de ser pai.
Não demorou para algumas pessoas se indignarem, prometerem cancelar a empresa nas redes sociais e boicotar os produtos. Por outro lado, os números da campanha, que acabou se tornando polemica, falam por si.
Dados da Zeeng - Data Driven Platform mostram que foram 450 mil interações nas redes sociais, 35 mil visualizações no Youtube, 20 mil comentários, maior pico de buscas pela marca no Google dos últimos tempos, 300 matérias na imprensa sobre a campanha e 200 mil novos seguidores nas redes sociais. A análise foi feita de 15 a 30 de julho.
Sem falar da alta nas ações da empresa na Bolsa de Valores – mais de 10% na semana passada e, consequentemente, no patrimônio pessoal dos fundadores.
“Está mais do que provada a necessidade de as marcas se posicionarem e abraçarem causas de diversidade, inclusão, e sustentabilidade, mas ainda é difícil vermos empresas fazendo isso de forma consistente e legítima no Brasil. A Natura é um destes bons exemplos”, analisa o CEO da Zeeng, Eduardo Prange.
Assim com outros analistas que já se posicionaram sobre esse assunto nos últimos dias, ele destaca o fato de que a Natura tem um histórico de se envolver nestes temas, o que é fundamental para o sucesso da iniciativa. “Isso faz com que os consumidores vejam verdade na postura da empresa, e não um oportunismo”, diz.
A campanha não foi unanimidade, evidente, mas o que está predominando são as interações positivas e os próprios consumidores atuando como advogados da marca na internet. “Foi excelente do ponto de vista da comunicação e de aumento dos ativos sociais da marca, o que deve se refletir em vendas, já que aumento o volume de acessos no site foi de 10%”, conclui Prange.
Comentários CORRIGIR TEXTO