Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 12 de dezembro de 2019.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 12/12/2019.
Alterada em 12/12 às 13h22min
COMENTAR | CORRIGIR

Frases & Personagens

"Em julho, quando os honorários de sucumbência a procuradores do Estado começaram a ser distribuídos, o valor repassado aos servidores da PGE ficou em R$ 638 mil. Em outubro, o total repassado saltou para R$ 2,06 milhões, entre 315 procuradores ativos e 200 aposentados, mesmo que 50 matrículas da Procuradoria já ganhem o teto constitucional - de R$ 35,5 mil. Em média, cada procurador recebeu valor extra de R$ 4,8 mil no contracheque." Giuseppe Riesgo (Novo), deputado estadual, sobre benefício cancelado pela Assembleia.
"Em julho, quando os honorários de sucumbência a procuradores do Estado começaram a ser distribuídos, o valor repassado aos servidores da PGE ficou em R$ 638 mil. Em outubro, o total repassado saltou para R$ 2,06 milhões, entre 315 procuradores ativos e 200 aposentados, mesmo que 50 matrículas da Procuradoria já ganhem o teto constitucional - de R$ 35,5 mil. Em média, cada procurador recebeu valor extra de R$ 4,8 mil no contracheque." Giuseppe Riesgo (Novo), deputado estadual, sobre benefício cancelado pela Assembleia.
"Os caminhos tomados pelo Parlamento para rever os pagamentos são inconstitucionais e serão revertidos no campo jurídico. A Assembleia vai pagar mico, com decisões recentes do STF que avalizaram pagamento de honorários aos procuradores estaduais de outras regiões do País." Eric Lins (DEM), deputado estadual e procurador de carreira.
"É incoerente falar em aumentar o Fundo Eleitoral quando precisamos de mais recursos na saúde, segurança pública, educação e infraestrutura." Pedro Westphalen (PP), deputado federal. 
"Não vetarei o fundo eleitoral caso a proposta seja diminuída para R$ 2,5 bilhões. O valor de R$ 3,8 bilhões está fora do Orçamento de 2020." Jair Bolsonaro, presidente.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia