Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 29 de outubro de 2019.
Dia nacional do Livro e Dia mundial de combate ao AVC.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 29/10/2019.
Alterada em 29/10 às 03h00min
COMENTAR | CORRIGIR

Frases e personagens

Eros Grau

Eros Grau


FÁBIO RODRIGUES POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL/JC
"O Supremo volta a fazer valer a Constituição, proibindo a prisão em segunda instância." Eros Grau, ex-ministro do STF, relator do julgamento que garantiu o direito de recorrer de uma condenação em liberdade até a última instância, em 2009.
"O Supremo volta a fazer valer a Constituição, proibindo a prisão em segunda instância." Eros Grau, ex-ministro do STF, relator do julgamento que garantiu o direito de recorrer de uma condenação em liberdade até a última instância, em 2009.
"Critico aqueles que consideram os povos indígenas atrasados e de pouco valor, não reconhecendo o que a cultura deles pode ensinar às outras. Critico quem despreza as suas tradições, apaga as suas gestas, ocupa os seus territórios e usurpa os seus bens. Quanta superioridade presumida, que se transforma em opressão e exploração, mesmo hoje!" Papa Francisco, no encerramento do Sínodo da Amazônia.
"Os erros do passado não foram suficientes para deixarmos de saquear os outros e causar ferimentos aos nossos irmãos e à nossa irmã Terra: vimo-lo no rosto dilacerado da Amazônia. Vamos definir o que seja pecado ecológico." Também Papa Francisco.
"Critico o pagamento de honorários de sucumbência a procuradores do RS. Considero como advogados já pagos pelo Estado." Giuseppe Riesgo (Novo), deputado estadual.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia