Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 19 de setembro de 2019.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 19/09/2019.
Alterada em 19/09 às 03h00min
COMENTAR | CORRIGIR

Frases e personagens

Gilson Finkelsztain

Gilson Finkelsztain


GERARDO LAZZARI/DIVULGAÇÃO/JC
"A B3 não tem interesse de ser a bolsa da América Latina. Apesar de deter a participação em quatro bolsas na região - México, Chile, Colômbia e Peru, com participações minoritárias feitas pela antiga BM&FBovespa -, a visão hoje é de que tais investimentos demandariam alto grau de esforço e pouco dinheiro a ser capturado." Gilson Finkelsztain, presidente da B3.
"A B3 não tem interesse de ser a bolsa da América Latina. Apesar de deter a participação em quatro bolsas na região - México, Chile, Colômbia e Peru, com participações minoritárias feitas pela antiga BM&FBovespa -, a visão hoje é de que tais investimentos demandariam alto grau de esforço e pouco dinheiro a ser capturado." Gilson Finkelsztain, presidente da B3.
"Não há risco de o presidente Jair Bolsonaro cancelar sua viagem a Nova Iorque, onde deve discursar na abertura da Assembleia-Geral da ONU, no próximo dia 24. Risco zero de ele não ir." General Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo.
"É preciso evitar que postos aproveitem para aumentar combustíveis. Os preços dos combustíveis são livres, por lei, em todas as etapas da cadeia: produção, distribuição e revenda." Décio Oddone, diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis.
"Cinco procuradores que haviam debandado do grupo da Lava Jato da Procuradoria-Geral da República estão de volta. Em nome da importância da investigação, para a Justiça, para o País, convidei os colegas que integraram o grupo de trabalho a retornarem a seus postos." Alcides Martins, procurador-geral interino.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia