Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 25 de outubro de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Frases e Personagens

Edição impressa de 25/10/2018. Alterada em 25/10 às 01h00min

Frases e personagens

Carlos Marun

Carlos Marun


ANTONIO CRUZ/AGÊNCIA BRASIL/JC
"O presidente Michel Temer (MDB) deve participar de uma série de inaugurações de obras públicas nos últimos dois meses do seu governo. Foi lançado o Desafio Chave de Ouro, que realocará R$ 1 bilhão para acelerar o andamento de 20 obras em todo o País." Carlos Marun (MDB), ministro da Secretaria de Governo.
"Um governo que tem dois anos de duração não pode se dar ao luxo de parar antes do tempo. O presidente Temer pretende trabalhar até o último dia do ano. Uma das obras com dificuldades é a nova ponte sobre o rio Guaíba, em Porto Alegre, com pelo menos 100 famílias que precisariam ser realocadas." Também Carlos Marun.
"O mundo está mudando em velocidade enorme. Não vamos mais vender carros, mas produtos e serviços que precisam ser desenvolvidos por brasileiros." Pablo Di Si, presidente da Volkswagen para a América Latina.
"Em um ano, a Volks saiu da terceira para a segunda posição entre as fabricantes que mais vendem. A retomada da liderança está baseada nas pessoas e no espírito de time." Também Pablo Di Si.
"A China estuda suspender a compra de soja dos EUA. É a maior compradora de soja do mundo e usa o grão como a base da ração de animais, porcos e galinhas, para abastecer a demanda interna." Loren Puette, diretor da empresa de pesquisa ChinaAg em Taiwan.
"A guerra comercial entre China e EUA é mais um movimento de acomodação do que algo que vá escalar para além da economia e, portanto, tornar necessário fazer algum tipo de alinhamento. Ter de escolher lados de maneira irreversível não é olhar esse quadro de maneira realista." Marcos Troyjo, professor da Universidade de Columbia/EUA.
"Estou com uma mão na faixa presidencial". Jair Bolsonaro (PSL), candidato a presidente.
"Sinto clima de virada desde segunda-feira." Fernando Haddad (PT), candidato a presidente.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia