Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 02 de dezembro de 2019.
Dia Nacional do Astrônomo. Dia do Samba. Dia Pan-Americano da Saúde.

Jornal do Comércio

Empresas & Negócios

COMENTAR | CORRIGIR

Trabalho

Edição impressa de 02/12/2019. Alterada em 02/12 às 14h24min

Estratégias ajudam a efetivar vaga temporária

A economia brasileira dá francos sinais de recuperação. Economistas elevaram a previsão de alta do Produto Interno Bruto (PIB) de 2020 para 2,08% - se confirmado, este será o melhor desempenho desde 2013, quando o indicador avançou 3%.
A economia brasileira dá francos sinais de recuperação. Economistas elevaram a previsão de alta do Produto Interno Bruto (PIB) de 2020 para 2,08% - se confirmado, este será o melhor desempenho desde 2013, quando o indicador avançou 3%.
Para os 12,6 milhões de desempregados do país, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) traz números animadores para este fim de ano: no período, aproximadamente 91 mil vagas temporárias serão disponibilizadas no comércio em todo o território nacional, o maior índice desde 2014. Os segmentos mais promissores são os de vestuário e de hiper e supermercados.
O contrato temporário pode durar até 180 dias e assegura direitos ao trabalhador, como o vale-refeição, vale-transporte e atendimento médico e ambulatorial. Além disso, os candidatos também têm outro benefício: a chance de efetivação. De acordo com a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL) de São Paulo, este desejo é recíproco em quatro a cada 10 empresários. Como o atual cenário econômico está favorável, a possibilidade de contratação pode se replicar em outros estados brasileiros.
Para conquistar um espaço no mercado de trabalho, o bom desempenho deve estar presente desde a etapa de recrutamento e seleção. Demonstrar interesse e aptidão é uma boa forma de começar, mas ainda não resume tudo o que é necessário para se obter uma vaga. A gestora de educação do Centro Brasileiro de Cursos (Cebrac), Flávia Teixeira, lista cinco dicas (quadro ao lado) para você conquistar um emprego temporário - e talvez permanente, por que não? - nesse final de ano.

Dicas para conquistar um emprego

  1. Faça um currículo atrativo: O currículo é a primeira impressão que um recrutador terá sobre a sua imagem. Mantenha as suas informações bem organizadas. Para se diferenciar em um mercado competitivo é imprescindível investir em qualificação profissional e isso vale para o resto da vida, afinal, educação e conhecimento são bens adquiridos continuamente, independentemente da idade de cada um. Então, o candidato capacitado sairá na frente, habilidades como fluência em outro idioma, domínio nas tecnologias de informática, são competências atraentes. Se você não possui nenhum certificado, pode ficar tranquilo! Uma dica é procurar a unidade mais próxima do Cebrac e verificar as opções de qualificações disponíveis. Algumas inclusive são rápidas e gratuitas! Por último, informe as suas três últimas experiências profissionais, da recente à mais antiga. Caso você ainda não tenha, crie um tópico com suas habilidades (proatividade, fácil aprendizado e boa comunicação) e mencione no objetivo o grande interesse em entrar no mercado de trabalho.
  2. Procure no lugar certo: Antes de se candidatar, analise se o seu perfil é compatível com a empresa e a função que será desempenhada. No desespero, as pessoas acabam disparando currículos para oportunidades que não se encaixam. Resultado? Retornos negativos ou experiências desastrosas. As vagas temporárias não exigem requisitos pomposos do candidato. A liberdade para descobrir novas áreas e se desenvolver profissionalmente é muito maior. Avalie suas características e analise em quais funções você gostaria de trabalhar. Aproveite o momento de aprendizado! Se você ainda não sabe por onde começar, o Cebrac tem uma agência de emprego online, que disponibiliza oportunidades em todo o Brasil. Acesse: cebracempregos.com.br
  3. Destaque-se no processo seletivo: Agora que você já conquistou o recrutador com o seu currículo, está na hora de mostrar o seu potencial. Ao falar sobre suas vivências e características profissionais, seja transparente. A firmeza e a sinceridade cativam e possibilitam construir uma relação de confiança. A disposição em vestir a camisa da empresa e perguntar sobre a vaga e o ambiente de trabalho reforçam o seu interesse em fazer parte daquele time. Esteja preparado para falar sobre você, seu planejamento para o futuro e suas conquistas.
  4. Seja proativo: Tanto nas empresas de pequeno como nas de grande porte, no período natalino os clientes pipocam. Esteja preparado para fazer hora extra, lidar com pessoas apressadas e explorar as suas habilidades para abraçar outras atividades. O funcionário temporário é contratado justamente para fornecer apoio e deve estar preparado para os imprevistos. Nesse período, o foco e as boas atitudes são seus principais aliados. Lembre-se: a desenvoltura com os clientes e colegas é analisada constantemente. Boas ações podem render uma efetivação no futuro.
  5. Tenha compromisso: Independentemente do segmento, o cliente tem um único desejo: ser bem-atendido. Levando em conta que a maior parte das vagas é destinada ao comércio, prestar um atendimento ao cliente com excelência é pré-requisito para quem pretende se lançar no mercado de trabalho no fim de ano. A simpatia, o sorriso no rosto e a disposição em ajudar encantarão o público - e, claro, o supervisor. Assim, dedique-se para entregar o seu melhor. Pontualidade, boa apresentação pessoal e paciência também são características que fazem parte do combo que definem um bom profissional.
leia mais notícias de Empresas & Negócios
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia