Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 29 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 29 de julho de 2020.
Notícia da edição impressa de 29/07/2020.
Alterada em 29/07 às 03h00min

O último refúgio II

Por que o ouro tem liquidez garantida em qualquer canto do mundo? Tem razões que remontam à antiguidade, mas uma delas é o fato de não ser atacado por nenhum ácido, menos a água régia, que precisa ser fabricada. Ouro não envelhece, portanto, não existe "ouro velho", que vale menos, como espertinhos falam para os incautos.

Por que o ouro tem liquidez garantida em qualquer canto do mundo? Tem razões que remontam à antiguidade, mas uma delas é o fato de não ser atacado por nenhum ácido, menos a água régia, que precisa ser fabricada. Ouro não envelhece, portanto, não existe "ouro velho", que vale menos, como espertinhos falam para os incautos.

Comentários CORRIGIR TEXTO
Fernando Albrecht
Fernando Albrecht
Informações exclusivas em notas curtas, objetivas e bem-humoradas. Bastidores da política, observações econômicas, causos do cotidiano e um olhar diferenciado sobre a vida urbana estão na coluna Começo de Conversa.