Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 24 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 24 de julho de 2020.
Notícia da edição impressa de 05/11/2019.
Alterada em 04/11 às 20h32min

Ó que saudades que eu tenho

FERNANDO ALBRECHT/ESPECIAL/JC
Acreditem, o céu já foi azul. Houve tempo em que não só era azul como o sol brilhava por vários dias. Da Ilha do Pavão, Porto Alegre tinha essa cara, e o Guaíba, embora sujinho por baixo, não era barrento como nos últimos dias. Saía-se de casa sem guarda-chuva, então não é lenda urbana. Também a volta para a casa era a seco, não havia poças d'água junto ao meio-fio. Os meteorologistas dizem que um dia o azul voltará a ser azul. Se é que ainda vamos lembrar dele.
Acreditem, o céu já foi azul. Houve tempo em que não só era azul como o sol brilhava por vários dias. Da Ilha do Pavão, Porto Alegre tinha essa cara, e o Guaíba, embora sujinho por baixo, não era barrento como nos últimos dias. Saía-se de casa sem guarda-chuva, então não é lenda urbana. Também a volta para a casa era a seco, não havia poças d'água junto ao meio-fio. Os meteorologistas dizem que um dia o azul voltará a ser azul. Se é que ainda vamos lembrar dele.

Iguatemi, a atração I

Os números de 2019 do Shopping Iguatemi foram contados pela impecável gerente-geral Nailê Santos e parecem mesmo apontar para cima e para o alto, como atesta o crescimento de 8,5% nas vendas e a abertura, até o final do ano, de 43 novas lojas. O shopping é um exemplo de que não basta conservar clientes, tem é que ampliar seu número e também ficar de olho nos consumidores que hoje ainda vestem fraldas. E aí o dever de casa é muito bem-feito.
 

Iguatemi, a atração II

O empreendimento multiplicou o número de serviços e eventos especialmente para crianças. E, para agregar qualidade ao produto, até mesmo eventos para pets começam a ser mais frequentes. Com a concorrência das vendas pela internet, os shoppings precisam abrir o olho. As novas gerações compram até moda sem precisar da vitrine das lojas físicas. A vantagem dos shoppings é que se compra e também as gentes se divertem; na internet, só se compra.

Coisas que irritam I

Parece mentira, mas, desde o início dos anos 2000 até hoje, continua o pega-ratão da velocidade máxima em trechos das estradas estaduais onde há pardais e lombadas eletrônicas O melhor exemplo é o trecho da rodovia que liga a BR-116 a Taquara para subir a Serra. Ora é 40 km/h, ora é 50 km/h e até 60 km/h. Decidam-se por um parâmetro fico, senhores.

Coisas que irritam II

O comportamento do motorista porto-alegrenses. Um exemplo clássico aconteceu na noite de domingo, na esquina da Dr. Timóteo com a Marquês do Herval. Como a Leopoldina Juvenil sediou um evento, quem descia a primeira e pretendia dobrar à esquerda na segunda era prejudicada pelos espertinhos que vinham na pista do meio da Timóteo e, no melhor estilo de levar vantagem em tudo, cortava a frente para entrar na estreita rua com carros estacionados dos dois lados.

O iogurte da dona Edith

Faleceu, na semana passada, Edith Travi, 100 anos, a pioneira do iogurte como sabores diferentes de Porto Alegre tal como o conhecemos. Na segunda metade dos anos 1950, ela sobraçava uma grande cesta com seu produto e o vendia até em lanchonetes de colégios. Começou e ainda está no início na rua Dr. Timóteo, com o produto fiel às suas origens.

Do escurinho do cinema...

A redação do Enem pede reflexão sobre a democratização do cinema. Como comparar o antes e o depois dos preços, se a geração que faz esse exame não foi ao cinema no tempo em que a entrada era mais cara e até seletiva? Do jeito que o tema foi proposto, fica como algo sólido que se desmancha no ar, a não ser que alguém se disponha a grandes voos. Então já não é para o Enem.

...ao custo do condomínio

Em tempos idos, o preço da entrada de cinema e o valor do condomínio eram referência do poder aquisitivo da população, especialmente esse último, por ser despesa mensal fixa. Hoje, não tem mais como, porque, de lá para cá, a luz e a água ficaram mais salgadas, acrescentaram-se gastos com portaria, sistemas de segurança, entre outros. Faz toda a diferença.

Posse no CNJ

Pela primeira vez, um magistrado vinculado à Justiça gaúcha tomará posse como conselheiro do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). A assunção do juiz Mário Augusto Figueiredo de Lacerda Guerreiro, para mandato de dois anos, acontece hoje, em Brasília.

Miúdas

  • ANTECIPAÇÃO do pagamento do IPVA e sem parcelamento desarvorou o planejamento natalino de muita gente.
  • CORONÉIS e tenentes-coronéis linha de frente da Brigada Militar estão se aposentando em massa. O bastão passa para a nova geração.
  • PELA segunda vez a Globo não exibe a corrida da F1, só a SportTV. Está saindo de mansinho ou foi problema de agenda?
  • DE certa forma, a F1 perdeu a graça. A dobradinha Hamilton-Mercedes ganha todos e, entre os cinco primeiros, são sempre os mesmos.
  • CAFÉ expresso é uma loteria em boa parte das cafeterias. Uma hora sai de um jeito, na outra muda tudo. Está faltando reciclagem dos baristas.

Finais

  • SOCIEDADE Brasileira de Oftalmologia promove, no sábado, campanha para o diagnóstico do Ceratocone nos Hospitais de Clínicas e Santa Casa e em Viamão no Instituto Ivo Correa Meyer.
  • SETOR de seguros organiza seminário sobre lei que visa combater comércio clandestino de autopeças dia 12/15h/Federasul.
  • DE olho no verão, Panvel abre 258 vagas de trabalho temporário no Litoral.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Fernando Albrecht
Fernando Albrecht
Informações exclusivas em notas curtas, objetivas e bem-humoradas. Bastidores da política, observações econômicas, causos do cotidiano e um olhar diferenciado sobre a vida urbana estão na coluna Começo de Conversa.