Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 27 de dezembro de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Edição impressa de 27/12/2018. Alterada em 26/12 às 21h46min

A vez do Etna

GIOVANNI ISOLINO/AFP/JC
O vulcão Etna é uma ameaça permanente para a Itália. Como na Indonésia semana passada, um terremoto sem grandes pretensões (4.8 na escala Richter, que mede a intensidade do sismo) atingiu ontem área perto do vulcão mais ativo da Europa, na Sicília, ocasionando fechamento de rodovias e ferindo pessoas. Não é um dos mais furiosos da Europa, mas não existe vulcão bonzinho para sempre.

Coisas que irritam

Já foi pior em tempos idos, mas o serviço malfeito de empresas que deitam fibras óticas, cabos outros e até de repartições públicas tem como efeito imediato um palavrão proferido por motoristas que passam na vala transversal aberta e, mal e porcamente, fechada posteriormente. Caso da rua Garibaldi, na altura do número 1.339, em Porto Alegre.

Salvadores da pátria

Como sempre, a salvação da lavoura para quem precisa fazer compras do dia a dia no Natal foram os mercadinhos de bairro tocados pela família dos proprietários. Como sempre, a salvação dos que precisam de artigos de primeira necessidade no dia 31 de dezembro ou 1 de janeiro serão os mesmos mercadinhos.

Falha das grandes

Grandes corporações têm uma imagem de evitar erros que prejudiquem seus consumidores, mas nem sempre é assim. No caso do Todinho, o raio caiu duas vezes no mesmo local, em 2014 e no feriadão de Natal. Como pode um gigante como a PepsiCo descuidar tanto do controle de qualidade, que se reflete na dúvida sobre a integridade de outros produtos que ela fabrica?

Já foi dito

Faz muita diferença se pensamos em Deus como uma pessoa ou como uma força. De uma forma, você tem o Cristianismo, de outra você tem a Guerra nas Estrelas.

Natal gaudério


PMSB/DIVULGAÇÃO/JC
É curioso como o Natal e todo seu estrépito só pareça acontecer em cidades específicas, como se no Interior também não acontecessem grandes espetáculos. Caso de São Borja, que une tradicionalismo com festa natalina, o que é uma mistura boa de se ver. Assim como São Borja, certamente muitos outros municípios têm coisa boa para mostrar.

Empreendedores políticos

Belo presente natalino nos deu o Congresso Nacional. Na semana passada, aprovou verba de R$ 927,7 milhões, em 2019, para o fundo partidário. De 1996 para cá, a quantia destinada aos partidos cresceu quase 500%, segundo apurou o Estadão. Em 1996, eram 19 partidos, hoje são 30, e mesmo com o gargalo da cláusula de barreira, siglas novas devem compensar a perda de espaço das velhas. Moral: criar um partido é bom negócio para quem os funda.

Falta só o cirurgião

Repensar o gasto público, fazer com urgência as reformas necessárias, discutir o tamanho do Estado e o peso dos impostos na vida de um cidadão comum ou de empresa, tudo isso será novamente colimado nas famosas reflexões do novo ano que se aproxima. Radiografias feitas há anos. De diagnósticos estamos cheios, precisamos é da cirurgia.

Miúdas

  • ALGUMAS bancas que têm à venda saladas de frutas poderiam rebatizar o produto para salada de ameixa.
  • HOUVE tempo em que a viagem da praia era pura diversão; hoje, é puro aborrecimento.
  • VENDAS de LSD e comprimidos de ecstasy aumentam 1,2 mil por cento em seis anos, diz a BM.
  • A JULGAR pela tendência, chegará o dia em que estatísticas irão contemplar quem não os ingere.
  • ADENDO à foto do Stutz 1928 exposto no Palácio Piratini: de tanto tempo parado, os pneus ficaram quadrados.

Finais

INICIATIVAS da Panvel voltadas a dar mais agilidade e qualidade no atendimento resultaram na conquista do prêmio Empresas que Mais Respeitam o Consumidor. TRENSURB e ATM inauguram máquina de autoatendimento do Sistema TEU na Estação Mercado. CURSO técnico em Enfermagem do Hospital Moinhos de Vento completa 60 anos. LOJAS Americanas lançam o cartão presente FAS em parceria com a Fundação Amazonas Sustentável (FAS).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia