Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 03 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 03 de dezembro de 2020.
03/12/2020 - 13h48min.
Alterada em 03/12 às 13h48min

Ford lançará o Bronco, Mustang Mach 1 e Ranger Black no Brasil em 2021

Família do utilitário-esportivo estreou nos Estados Unidos, oferecendo alto desempenho off road

Família do utilitário-esportivo estreou nos Estados Unidos, oferecendo alto desempenho off road


FORD MOTOR COMPANY/Divulgação/JC
A marca anunciou a ampliação de sua linha de produtos no País e também na América do Sul no próximo ano. Além da linha Transit, recentemente confirmada, a família de SUVs Bronco, a série especial Mustang Mach 1 e da nova versão Black da picape Ranger serão novidades.
A marca anunciou a ampliação de sua linha de produtos no País e também na América do Sul no próximo ano. Além da linha Transit, recentemente confirmada, a família de SUVs Bronco, a série especial Mustang Mach 1 e da nova versão Black da picape Ranger serão novidades.
A Ford também divulgou investimento de US$ 580 milhões na nova geração da Ranger, programada para chegar aos mercados sul-americanos em 2023. A cifra inclui uma ampla modernização da fábrica de Pacheco, na Argentina, onde o utilitário é feito.
Os futuros veículos dão uma boa indicação dos planos da marca para a região, com foco em segmentos em crescimento e nos quais pode competir para vencer. A Transit, que será produzida no Uruguai, irá fortalecer a presença da Ford entre as vans comerciais.
A Ranger Black é uma versão da picape destinada ao uso urbano, com estilo robusto e sofisticado. O Mustang Mach 1, por sua vez, é uma edição limitada com motor V8 que entrega alto desempenho.
Já o Bronco é um SUV icônico da Ford, que promete excepcional capacidade off road, além de recursos inteligentes de conectividade, tecnologias avançadas de assistência ao motorista e pacote superior de segurança.
O presidente da Ford América do Sul, Lyle Watters, fez projeções para a região. Segundo o executivo, a expectativa é de que a atividade econômica se recupere gradualmente em 2021, com o retorno aos níveis de produção e vendas do ano de 2019 somente em 2023.
“Esperamos uma indústria em torno de dois milhões de veículos em 2020 no Brasil e de 320 a 340 mil unidades na Argentina. Para 2021, nossa estimativa é de 2,5 milhões de unidades no Brasil e pouco mais de 400 mil veículos na Argentina”, diz Watters.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Vinicius Ferlauto
Vinicius Ferlauto
Acompanhe as informações do setor automotivo: lançamentos de veículos, inovações tecnológicas, investimentos industriais, ações de mercado, energias alternativas e o futuro da mobilidade. Tudo isso e mais em Automotor. Acelere comigo!