Porto Alegre, terça-feira, 28 de dezembro de 2021.
Dia do Petroquímico. Dia do Salva-Vidas.
Porto Alegre,
terça-feira, 28 de dezembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Rodovias

- Publicada em 28/12/2021 às 03h00min.

Programa Pavimentaterá maisR$ 190 milhões

Na primeira e segunda etapa, 406 cidades serão beneficiadas com a ampliação e melhoria da infraestrutura rodoviária

Na primeira e segunda etapa, 406 cidades serão beneficiadas com a ampliação e melhoria da infraestrutura rodoviária


FELIPE DALLA VALLE/DIVULGAÇÃO/JC
Na semana passada, o governo do Estado divulgou os municípios contemplados na segunda etapa do programa Pavimenta, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano (Sedur). O governador Eduardo Leite anunciou o novo aporte de R$ 190 milhões para atender mais 230 prefeituras.
Na semana passada, o governo do Estado divulgou os municípios contemplados na segunda etapa do programa Pavimenta, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano (Sedur). O governador Eduardo Leite anunciou o novo aporte de R$ 190 milhões para atender mais 230 prefeituras.
Ao todo, na primeira e segunda etapa, 406 cidades serão beneficiadas com a ampliação e melhoria da infraestrutura rodoviária, com investimento total de R$ 370 milhões, mediante a contrapartida das prefeituras. O valor é quatro vezes maior do que o que já foi investido em convênios para pavimentação nos últimos 10 anos. Com o novo anúncio, 100% dos municípios inscritos terão um projeto contemplado.
Com previsão de investimento inicial de R$ 60 milhões de recursos do Tesouro do Estado, o valor disponibilizado aumentou devido à qualidade das propostas apresentadas e a importância de ajuda financeira do governo gaúcho para execução de obras fundamentais ao desenvolvimento urbano e melhorias da população.
Leite lembrou que o Pavimenta e outros investimentos do programa Avançar, que já ultrapassam os R$ 4 bilhões em diferentes áreas, só foram possíveis depois de um processo de recuperação da capacidade financeira do Estado, por meio de reformas estruturais propostas pelo Executivo e que encontraram apoio na Assembleia Legislativa.
"Queremos deixar isso como um legado que ultrapasse governos. O que desejamos é que se torne uma rotina o Estado ao lado dos municípios, ajudando a estruturar projetos, obras, financiando investimentos. O Rio Grande do Sul tinha perdido a sua capacidade de sonhar, mas agora que recuperamos a capacidade de investimentos, queremos que essa parceria com os municípios possa permanecer", disse o governador.
Conforme o secretário da Sedur, Luiz Carlos Busato, o aporte financeiro para melhorar a infraestrutura urbana de tantos municípios e em um volume tão expressivo era algo impensável até poucos anos atrás. "Nem no melhor e mais otimista dos sonhos, os prefeitos imaginavam que o governo gaúcho estenderia a mão com recursos financeiros para proporcionar a realização de obras dentro da cidade, na frente da casa das pessoas", destacou Busato. "Todas essas conquistas foram pavimentadas através de muito diálogo das administrações municipais com o governo do Estado ao longo deste ano e também graças à reestruturação financeira promovida na atual gestão do Estado", completou.
O Pavimenta beneficiará projetos de infraestrutura rodoviária incluindo obras de pavimentação (asfalto ou bloco de concreto), terraplanagem, drenagem e microdrenagem (meios-fios, bocas-de-lobo e redes), sinalização e acessibilidade. O objetivo é incentivar a cultura e o turismo, acesso a bens, serviços e equipamentos públicos e aprimorar as condições para escoamento da produção, melhorando por consequência a qualidade de vida de todos os cidadãos.
O lançamento do projeto e a publicação do edital ocorreram em 21 de junho, e os municípios tiveram 30 dias para inscrição. Foram 453 projetos recebidos de 406 prefeituras no Eixo B. As propostas apresentadas foram avaliadas por uma Comissão Especial Permanente, com rodadas de envio de comunicados e apresentação de recursos. As prefeituras habilitadas foram divididos por faixa conforme o número de habitantes.
Além dos recursos aportados, o governo do Estado, por meio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e do Badesul, vai disponibilizar R$ 110 milhões em linhas de financiamento para os municípios utilizarem na contrapartida ou na ampliação das obras.
Ainda durante o evento, o governador Eduardo Leite assinou a ordem de retomada da obra na ERS-305, no trecho entre Horizontina e Crissiumal. A obra prevê a execução de terraplanagem, drenagem, pavimentação asfáltica e obras complementares.
Na quinta-feira, o governador gaúcho também assinou o primeiro convênio do programa Pavimenta, em Encantado. A obra, que terá investimento de R$ 4 milhões, vai promover melhorias no trecho de 2,28 quilômetros que dá acesso ao Cristo Protetor de Encantado,
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO