Porto Alegre, segunda-feira, 02 de agosto de 2021.
Porto Alegre,
segunda-feira, 02 de agosto de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Indústria

- Publicada em 20h25min, 01/08/2021. Atualizada em 13h02min, 02/08/2021.

Centro de Distribuição da Stihl em São Paulo reduz tempo médio de entrega em 35%

Empreendimento responde pela distribuição de 60% das vendas realizadas pela multinacional

Empreendimento responde pela distribuição de 60% das vendas realizadas pela multinacional


STIHL/DIVULGAÇÃO/JC
A estruturação de um Centro de Distribuição (CD) da Stihl em Jundiaí (SP), que descentralizou o estoque de produtos da marca - antes restrito à fábrica em São Leopoldo -, apresenta os resultados de um ano de trabalho. A média na redução de tempo de entrega de produtos para as regiões Sudeste, Norte e Nordeste é de 35%. Especificamente no estado de São Paulo, esse tempo alcançou uma redução de 60%.
A estruturação de um Centro de Distribuição (CD) da Stihl em Jundiaí (SP), que descentralizou o estoque de produtos da marca - antes restrito à fábrica em São Leopoldo -, apresenta os resultados de um ano de trabalho. A média na redução de tempo de entrega de produtos para as regiões Sudeste, Norte e Nordeste é de 35%. Especificamente no estado de São Paulo, esse tempo alcançou uma redução de 60%.
"Destinamos 60% do volume de estoque do mercado brasileiro para o novo CD. Esse movimento agregou um significativo aumento de competitividade à empresa, otimizando recursos e diminuindo possíveis interferências nas entregas por conta da menor distância a percorrer. Além disso, o Centro de Distribuição está sendo fundamental para atendermos com qualidade à crescente demanda por ferramentas motorizadas do mercado", afirma o presidente da Stihl, Cláudio Guenther.
A estrutura começou a operar em junho de 2020 e, em um ano, a capacidade de atendimento cresceu 200% diante da crescente demanda. Este aumento oportunizou também a criação de mais um turno de trabalho no local. O Centro de Distribuição em Jundiaí é responsável pelo atendimento a mais de 2.300 pontos de venda da marca no Brasil.
Mediante os resultados positivos da empresa, que fechou o primeiro semestre de 2021 com 43% de aumento no faturamento, e visando reduzir ainda mais o tempo de entrega, a Stihl segue com o plano de expansão. "Em busca de constante melhoria das operações logísticas e sempre pensando na satisfação de nossos clientes, estamos em fase final de planejamento de um novo Centro de Distribuição. O terceiro CD da Stihl ficará alocado no Norte do Brasil e atenderá estrategicamente essa e a região Nordeste", complementa a Gerente de Administração de Vendas e Logística de Distribuição da empresa, Silvana Carvalho.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário