Porto Alegre, quinta-feira, 18 de novembro de 2021.
Porto Alegre,
quinta-feira, 18 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Opinião

- Publicada em 17/11/2021 às 03h00min.

Solidariedade contábil: um patrimônio social

 Lisiane München, membro da Comissão do Voluntariado do CRCRS

Lisiane München, membro da Comissão do Voluntariado do CRCRS


/CRCRS/DIVULGAÇÃO/JC
Lisiane München

Iniciamos novembro e com ele o Mês da Solidariedade Contábil, um movimento que está na 16ª edição, engajando toda a classe e entidades parceiras.

Iniciamos novembro e com ele o Mês da Solidariedade Contábil, um movimento que está na 16ª edição, engajando toda a classe e entidades parceiras.

Nesse momento, te convido para refletirmos sobre qual é o impacto que podemos causar e qual o nosso papel como cidadãos e profissionais da contabilidade. Há realmente meios de protagonizarmos alguma mudança positiva na vida de outras pessoas?

Ao longo deste ano, acompanhamos diversas ações que foram realizadas por profissionais contábeis, colegas voluntários, que têm a solidariedade como propósito e objeto de valor. Voluntários que buscam colocar em prática diferentes formas de contribuir para o bem comum, tais como: doando uma parcela do seu tempo para replicar suas habilidades e conhecimentos, participando de eventos presenciais e on-line de diversos tipos de causas, contribuindo com divulgações de entidades, projetos e ações, promovendo lives beneficentes e campanhas de arrecadações de recursos de forma virtual.

Neste mundo hiperconectado e de isolamento social, o voluntariado digital merece o nosso destaque, pois ganhou ainda mais força ultrapassando as barreiras de tempo e espaço.

Criamos novos modos de sermos solidários e de potencializar a conexão entre causas e pessoas através das tecnologias e redes sociais.

Essas atitudes nos mostram o poder da ação, nos inspiram, e também são provas de que podemos ser agentes transformadores da nossa sociedade.

Além do exercício técnico-cientifico que a profissão nos exige, a educação continuada ou lifelong learning e o trabalho incessante, para cumprirmos e nos adaptarmos às constantes transformações, em um mundo de possibilidades de atuações na nossa profissão, podemos exercer mais este ato essencial: ser solidário.

Ser solidário é ter a responsabilidade próxima ao outro, com reciprocidade num mesmo interesse.

Ao vivenciarmos uma realidade diferente, nos conectamos com pessoas e novas experiências que trazem benefícios pessoais como o respeito às diferenças e a prática de liderança mais responsável, ampliando e gerando, dessa forma, maior consciência das pessoas ao nosso redor, ativando o nosso olhar reticular para o bem, nos sensibilizando e nos fazendo pensar sobre a nossa autorresponsabilidade. Passamos a gostar de ouvir mais e a respeitar as histórias de vidas de outras pessoas, mudando de forma instintiva, orgânica e natural a maneira de compreendermos o mundo à nossa volta e o nosso nível crítico em relação à sociedade.

Não é com apenas um movimento que vamos alcançar todos os objetivos, mas com ações constantes!

Junte-se a nossa campanha e prove de toda esta panaceia que faz tão bem a quem pratica o voluntariado e a quem recebe.

De um jeito simples, você colega, pode participar do mês da Solidariedade Contábil, que se iniciou em 06 de novembro e vai até o dia 05 de dezembro de 2021. Nesse período, estaremos recebendo doações de brinquedos e alimentos que não compõe a cesta básica, e, no dia 03 de dezembro, vamos fazer um barulho na cidade de Porto Alegre/RS, com o "Mutirão da Doação". Estaremos na sede do CRCRS, das 09 às 17 horas esperando a sua colaboração.

Contamos com a sua participação, pois juntos podemos fazer sempre mais! Mais do que bens materiais e alimentos, o movimento que estamos propondo promove entre nós a união e podemos, através desta oportunidade, levar um pouco de cuidado e acolhimento para quem precisa.

Comece procurando um dos pontos de arrecadação e doe-se a essa causa.

Em Porto Alegre: CRCRS - Av. Senador Tarso Dutra, 170, loja 101 - bairro Petrópolis e Sescon-RS: R. Augusto Severo, 168 - São João.

Interior do Estado com os delegados representantes

Membro da Comissão do Voluntariado do CRCRS

Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO