Porto Alegre, quarta-feira, 23 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Opinião

- Publicada em 03h00min, 23/12/2020.

NAF da Fadergs, responsabilidade social e compromisso educacional

Luana Vasques, Sabrina de Freitas, Leandro Mendes* e Jucelaine Bitarello**

A Faculdade de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul (Fadergs) possui o Núcleo de Práticas de Negócios (NPN). Neste espaço são oportunizados aos alunos a possibilidade de colocar em prática o aprendizado de sala de aula. Em parceria com a Receita Federal, inserido no NPN está o Núcleo de Apoio Contábil Fiscal, conhecido como NAF - lá os alunos de contabilidade prestam atendimento ao público de menor poder aquisitivo que não possui condições de arcar com os custos de um profissional contábil. Todo o trabalho do NAF está sob a supervisão e coordenação de professores. Este atendimento ocorria todos os sábados na faculdade. Dentre os atendimentos mais comuns estavam inseridas as declarações de imposto de renda e orientação sobre o MEI, e para os alunos, além de desenvolver a moral tributária e a cidadania para com a sociedade, torna-se notório o sentimento de gratidão de cada cidadão que tem ao ter sua situação resolvida.

A Faculdade de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul (Fadergs) possui o Núcleo de Práticas de Negócios (NPN). Neste espaço são oportunizados aos alunos a possibilidade de colocar em prática o aprendizado de sala de aula. Em parceria com a Receita Federal, inserido no NPN está o Núcleo de Apoio Contábil Fiscal, conhecido como NAF - lá os alunos de contabilidade prestam atendimento ao público de menor poder aquisitivo que não possui condições de arcar com os custos de um profissional contábil. Todo o trabalho do NAF está sob a supervisão e coordenação de professores. Este atendimento ocorria todos os sábados na faculdade. Dentre os atendimentos mais comuns estavam inseridas as declarações de imposto de renda e orientação sobre o MEI, e para os alunos, além de desenvolver a moral tributária e a cidadania para com a sociedade, torna-se notório o sentimento de gratidão de cada cidadão que tem ao ter sua situação resolvida.

O NAF traz benefícios para todos os parceiros envolvidos no projeto, Receita Federal do Brasil - RFB, sociedade, instituição de ensino e principalmente o aluno, focalizando nas oportunidades e não nos obstáculos.

Durante o primeiro semestre os atendimentos inicialmente ocorreram de forma presencial, porém com o início do isolamento social, ocorreram mudanças na forma do atendimento. Para que o público não ficasse sem os serviços prestados pelo NAF passou-se a atender de forma virtual, via e-mail e WhatsApp, acrescentando as demandas de atividades orientar e auxiliar a população sobre o benefício do Auxílio Emergencial.

O Auxílio Emergencial é um benefício destinado aos trabalhadores informais, MEI, autônomos e desempregados. Este auxílio foi instituído pelo Governo Federal a partir da Lei 13.982/20 que "Altera a Lei nº 8.742, de 7 de dezembro de 1993, para dispor sobre parâmetros adicionais de caracterização da situação de vulnerabilidade social para fins de elegibilidade ao benefício de prestação continuada (BPC), e estabelece medidas excepcionais de proteção social a serem adotadas durante o período de enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (Covid-19) responsável pelo surto de 2019, a que se refere a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020." Agora popularmente conhecido como "coronavoucher".

De acordo com relatos dos monitores do NAF, no primeiro momento foi assustador por depararem-se com grande volume de solicitação do Auxílio Emergencial, segue relato da aluna: "ver a nossa responsabilidade aumentar diante de uma situação que foi completamente inesperado. Tivemos que aprender, entender e nos adaptar a funcionalidade à cada atendimento".

Outra atividade que também ocorreu foram os atendimentos para a entrega da Declaração de Imposto de Renda. Com a prorrogação dos prazos de entrega, o grupo teve muitas demanda e aprendizado. Pois foi necessário entender os diversos formatos de declaração, entre eles, aplicações na bolsa, pensões, orientações à pais separados, o que deve ser declarado no imposto e renda de cada um, tudo isso de forma remota, outra dificuldade encontrada.

Não foi fácil! Foi, e ainda está sendo, desafiador, mas os monitores conseguiram adaptar-se ao novo modelo de atendimento e as novas formas de comunicação. Graças à tecnologia, está sendo possível o grupo NAF/Fadergs colocar-se à disposição da comunidade para auxiliar. No primeiro semestre de 2020, foram 138 atendimentos ao público. Entre as principais atividades estão o auxílio emergencial, declaração de Imposto de Renda, regularização e informações sobre MEI, cálculos trabalhistas periciais, entre outros. O grupo permanece à disposição da comunidade pelos seguintes canais: Whatsapp 51-98037-8267, email: [email protected] e atendimento virtual pelo link: https://bit.ly/fadergsnaf

Os alunos dizem: "aprendemos muito, mesmo diante das dificuldades, mesmo que tudo vire de cabeça para baixo, juntos somos mais fortes". Uniram suas forças em prol de um bem maior, juntos no NAF/Fadergs cresceram não só como futuros Contadores, mas principalmente como pessoas. Ao final do semestre sentiram-se satisfeitos e realizados em saber que no meio dessa pandemia conseguiram realizar o trabalho, doando-se da melhor forma possível e auxiliando ao próximo.

*Estudantes da Fadergs

**Professora da Fadergs

Comentários CORRIGIR TEXTO