Porto Alegre, quarta-feira, 23 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

#MinutoIR

- Publicada em 14h07min, 28/04/2020.

Como doar o IR devido a fundos da criança e do idoso

ONG Cirandar é uma das instituições que contam com os recursos destinados via prestação de contas com o Leão

ONG Cirandar é uma das instituições que contam com os recursos destinados via prestação de contas com o Leão


/ANTONIO PAZ/ARQUIVO/ONG CIRANDAR/DIVULGAÇÃO/JC
Roberta Mello
A pandemia do novo coronavírus tem fomentado ações de solidariedade no Brasil inteiro. E você sabia que pode fazer o bem sem ter de gastar nada a mais e de uma forma bem prática? Através da doação do Imposto de Renda devido diretamente no preenchimento da declaração é possível colaborar com um projeto social e o valor a ser pago continua o mesmo.
A pandemia do novo coronavírus tem fomentado ações de solidariedade no Brasil inteiro. E você sabia que pode fazer o bem sem ter de gastar nada a mais e de uma forma bem prática? Através da doação do Imposto de Renda devido diretamente no preenchimento da declaração é possível colaborar com um projeto social e o valor a ser pago continua o mesmo.
Até 6% do IR devido pode ser doado para os fundos da Criança e do Adolescente e do Idoso do seu município ou região. Até o ano passado, apenas 3% podiam ser destinados e o único fundo que fazia parte era o dos direitos da Criança e do Adolescente. Uma novidade em 2020 é que o percentual dobrou e as organizações que apoiam os idosos também são contempladas.
Mesmo quem já entregou o documento, com medo de perder o prazo original - 30 de abril, pode realizar a declaração retificadora e acrescentar a doação. É importante lembrar que devido à pandemia do novo coronavírus, o prazo para entrega da declaração foi prorrogado até o dia 30 de junho. A campanha Valores que Ficam, da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, busca conscientizar os gaúchos sobre a importância de dedicar um tempo para tomar uma atitude solidária. Em 2019, a mobilização conseguiu aumentar em 50% as destinações, chegando a R$ 13 milhões arrecadados.
Mas ainda é possível aumentar em muito esse valor. Se todos participarem, os recursos que ficam para o Estado podem ultrapassar os R$ 400 milhões e ajudar milhares de crianças, adolescentes e idosos. Para doar, é bem simples e seguro: todo valor destinado aos projetos assistenciais é fiscalizado por órgãos competentes e você ainda acompanha de perto os resultados. Veja em vídeo da série #MinutoIR como fazer a doação do imposto de renda devido para fundos da Criança e do Adolescente e do Idoso.

Confira o passo a passo para poder colaborar

PASSO 1 Entre no site da Receita Federal e baixe o programa para declaração de Imposto de Renda.
PASSO 2 Faça sua declaração de renda no modelo completo por deduções legais.
PASSO 3 Selecione a opção Doações Diretamente na Declaração - ECA e para o Fundo da Pessoa Idosa.
PASSO 4 Veja quanto pode ser destinado - o próprio sistema da Receita Federal sugere o valor
PASSO 5 Clique em Novo.
PASSO 6 Escolha o município para sua destinação. Caso seu município não esteja cadastrado, escolha outro na sua região ou Fundo Estadual.
PASSO 7 Escolha o valor a ser destinado (até 6% do seu imposto devido). O próprio sistema fará o cálculo.
PASSO 8 Gere o DARF (Documento de Arrecadação). Conclua sua declaração e faça o pagamento até 30 de junho de 2020 - a data-limite para entrega da declaração este ano.
Fonte: Valores que Ficam/ALRS
 
Comentários CORRIGIR TEXTO