Porto Alegre, terça-feira, 16 de novembro de 2021.
Dia Internacional da Tolerância.
Porto Alegre,
terça-feira, 16 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Responsabilidade Social

- Publicada em 16/11/2021 às 03h00min.

Ação voluntária doa óculos a crianças da zona Sul de Porto Alegre

Grupo de amigos ajuda a levar saúde visual para crianças carentes

Grupo de amigos ajuda a levar saúde visual para crianças carentes


/Lediane Franco/divulgação/jc
Mathias Boni
Com o objetivo de levar saúde visual para crianças e adolescentes carentes atendidas pelo Centro Social Padre Pedro Leonardi, no bairro Restinga, na Zona Sul de Porto Alegre, um grupo de profissionais da Optometria realizou nas últimas semanas testes de visão nos assistidos, doando posteriormente a eles lentes e armações de óculos. A ação, chamada "Optometria Legal", atendeu, na sua primeira intervenção, o número de 45 meninos e meninas porto-alegrenses, com idades entre seis e 17 anos.
Com o objetivo de levar saúde visual para crianças e adolescentes carentes atendidas pelo Centro Social Padre Pedro Leonardi, no bairro Restinga, na Zona Sul de Porto Alegre, um grupo de profissionais da Optometria realizou nas últimas semanas testes de visão nos assistidos, doando posteriormente a eles lentes e armações de óculos. A ação, chamada "Optometria Legal", atendeu, na sua primeira intervenção, o número de 45 meninos e meninas porto-alegrenses, com idades entre seis e 17 anos.
"Durante um almoço eu conheci o trabalho do centro, e disse 'quero ajudar'. Reuni um grupo de amigos da faculdade, e bolamos uma ação para ajudar no atendimento às crianças carentes. Nosso objetivo é levar saúde visual a quem não pode ter acesso", comenta Lisiane da Silveira, técnica em Optometria e idealizadora principal da ação.
Os atendimentos foram realizados em mutirão, ao longo de um dia inteiro. Duas semanas depois, os voluntários voltaram ao encontro das crianças, com os óculos e lentes que seriam doados. Alguns dos casos examinados, que precisavam de maior cuidado médico, foram encaminhados para atendimento hospitalar, em parceria com o Hospital Vila Nova. Como afirma Lisiane da Silveira, o cuidado com a saúde visual é fundamental para o desenvolvimento adequado de qualquer pessoa, principalmente de crianças e adolescentes.
"A criança que não tem qualidade visual não consegue entender as cores, os números ficam embaralhados, assim como as letras. Elas têm dificuldade de ler coisas no quadro da aula, ou ler letras pequenas em cadernos, e às vezes desistem dos estudos por conta disso. Quando colocamos os óculos, é uma vida nova, tudo muda. Aumentando a saúde visual, a gente consegue ajudar também no desenvolvimento educacional", destaca.
A primeira ação foi realizada pelo grupo entre setembro e outubro, atendendo exclusivamente as crianças. Contudo, o projeto será agora expandido, e já no próximo mês de dezembro ocorrerá uma nova rodada de atendimentos, desta vez com adultos em situação vulnerável que também recebem auxílio no centro.
"A próxima ação será com os adultos que são atendidos pelo centro, que recebem as refeições voluntárias no refeitório. Eles também precisam da nossa atenção, pois são pessoas em situação bem vulnerável, por isso vamos realizar os próximos atendimentos já em dezembro", informa Lisiane.

Centro Pe. Pedro Leonardi realiza trabalho fundamental na comunidade

Criado em 2005, o Centro Social Padre Pedro Leonardi se localiza no bairro Restinga, em Porto Alegre. Dirigida pelo padre Claudionir Ceron, é uma instituição sem fins lucrativos, que atua com o objetivo de combater a desigualdade social prestando diversos serviços a crianças e adultos carentes.

"Atendemos hoje aproximadamente 300 crianças carentes, além de mantermos o nosso refeitório voluntário para moradores de rua. Aqui buscamos oferecer todo o tipo de apoio e suporte que podemos, através de atividades de recreação, cultura, lazer e até na saúde, como nesse caso com os óculos novos. Acima de tudo, buscamos construir um lugar de respeito às diversidades e de possibilidade para as pessoas se desenvolverem integralmente", afirma o padre Ceron.

Além de proporcionar segurança, alimentação e lazer a seus assistidos, o centro também trabalha com o objetivo de resgatar a autoestima das pessoas atendidas, fomentando o seu sentimento de pertencimento social e comunitário. Na sede, há ainda uma biblioteca, salas de aula, auditório, quadra de esportes e pista de skate para a realização das atividades da instituição.

O restaurante do centro também cumpre um papel fundamental para a comunidade local. Somente no refeitório, são preparados e servidos diariamente mais de 100 almoços gratuitos a pessoas em situação de vulnerabilidade. Para continuar prestando todos esses serviços, o Centro Social Padre Pedro Leonardi depende fundamentalmente de ajudas externas.

"Estamos abertos a receber doações e esforços voluntários durante o ano inteiro. A comunidade é muito importante para o nosso serviço, pois nos ajuda a chegar onde sozinhos não conseguiríamos. Quem quiser nos ajudar, pode entrar em contato pelo telefone (51) 98410-5400, pelo e-mail [email protected], ou entrar em nosso site e nossas redes sociais, onde estão todas as informações sobre como proceder com as doações", informa o padre.

Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO