Porto Alegre, segunda-feira, 05 de abril de 2021.
Dia dos Fabricantes de Materiais de Construção.
Porto Alegre,
segunda-feira, 05 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Opinião

- Publicada em 03h00min, 05/04/2021.

Home office: preocupações que se deve ter

Sócia da SST Home Office
Sócia da SST Home Office
Depois de uma breve abertura, muitas empresas voltaram a adotar o home office e muitas nem deixaram de adotar. Contudo, mesmo se tornando mais uma vez fundamental, nesse segundo momento já se tem uma experiência anterior e as preocupações das empresas devem ser maiores. Lembrando que muitas empresas já sinalizaram que manterão esse modelo de trabalho em função dos benefícios observado.
É complicado avaliar os resultados do home office apenas pelo período da pandemia, pois vem sendo um momento de urgência, onde o medo e o confinamento possibilita com que os problemas sejam menores e também denúncias e problemas trabalhistas relacionados ao tema, como saúde do trabalhador e fiscalização.
Segundo a legislação trabalhista, também é preciso ter atenção especial aos postos de trabalho e a saúde dos colaboradores que estão em home office. Ponto importante é que muitas das regras usadas para empresas terão que ser replicadas nas residências.
Veja alguns pontos principais que devem ter atenção nas empresas:
Estação de trabalho - é preciso montar estruturas adequadas para os colaboradores nas casas, levando em conta local, mobiliário e demais estruturas. Muitas vezes a empresa terá que arcar com parte destes custos;
Ergonomia - é preciso que a empresa tenha suporte de profissionais como fisioterapeutas para adequar a ergonomia, que proporcionam conforto e saúde no home office. Cuidados básicos colaboram para que a rotina de trabalho não seja prejudicial.
Acompanhamento - a empresa deverá fazer um acompanhamento constante do trabalhador, educando para que ele faça constantemente um checklist do mobiliário do home office e uma autoavaliação da postura no trabalho, para enxergar a forma que se está trabalhando e identificar sintomas como dores e estresse.
Higienização e organização - mais um importante processo educacional que a empresa deverá aplicar aos colaboradores é em relação aos cuidados para manter os ambientes de trabalhos higienizados e organizados, minimizando problemas de saúde, erros e, até mesmo, uma imagem inadequada em caso de reuniões virtuais;
Bem-estar físico - será fundamental orientações sobre postura e ensinamentos sobre exercícios que possam relaxar o físico de possíveis estresses ocasionados no trabalho.
Compliance - a empresa que optar pelo home office também terá que ter em mente que nunca foi tão relevante o compliance, lembrando que segredo é segredo. Muitas posições trabalham com informações que não podem ser partilhadas por ninguém. É necessário regras muito claras.
Contrato de Trabalho - A mudança para o home office também pressupões adequações jurídicas das empresas, que precisarão estar muito alinhadas com suas áreas trabalhistas. Lembrando que esse modelo de trabalho ainda é muito novo.
Segurança Digital - As empresas precisam tomar uma série de ações afim de garantir que as soluções de segurança utilizadas possam prover o respaldo necessário à boa execução do trabalho dos colaboradores em casa.
Tatiana Gonçalves
Comentários CORRIGIR TEXTO