Porto Alegre, segunda-feira, 29 de março de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 29 de março de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

- Publicada em 03h00min, 29/03/2021.

Brasil contabiliza perdas e tenta conter avanço da pandemia

Crise econômica covid

Crise econômica covid


/freepik/divulgação/jc

Já se passaram 12 meses desde que a primeira morte em decorrência do novo coronavírus foi oficializada no Brasil. Junto com a notícia, em março do ano passado, vieram as primeiras medidas para tentar impedir o avanço da Covid-19 no País. Um ano depois, o Brasil amarga seu pior momento, com infecção de milhões de pessoas e mais de 300 mil mortos. A pandemia também tem vitimado milhares de empresas e microempreendedores, que se veem obrigados a fechar as portas. Agora, o País deposita suas esperanças para que a vacinação avance em ritmo mais ágil. Enquanto o Brasil não conseguir conter a disseminação da doença, especialistas dizem que será lento o processo de recuperação econômica

Já se passaram 12 meses desde que a primeira morte em decorrência do novo coronavírus foi oficializada no Brasil. Junto com a notícia, em março do ano passado, vieram as primeiras medidas para tentar impedir o avanço da Covid-19 no País. Um ano depois, o Brasil amarga seu pior momento, com infecção de milhões de pessoas e mais de 300 mil mortos. A pandemia também tem vitimado milhares de empresas e microempreendedores, que se veem obrigados a fechar as portas. Agora, o País deposita suas esperanças para que a vacinação avance em ritmo mais ágil. Enquanto o Brasil não conseguir conter a disseminação da doença, especialistas dizem que será lento o processo de recuperação econômica

Comentários CORRIGIR TEXTO