Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 22 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 22 de julho de 2020.

Empresas & Negócios

Compartilhar

Opinião

- Publicada em 03h00min, 10/02/2020. Atualizada em 03h00min, 10/02/2020.

O healthy lifestyle e as tendências em alimentação

Sergio Martins Barbosa
Diretor-superintendente da RAR
Diretor-superintendente da RAR
O início de um novo ano é um excelente momento para analisarmos as tendências do mercado sobre o que está por vir. Com o passar dos anos, diferentes segmentos têm se adaptado e usado de tecnologias para criar novas soluções e o mercado gastronômico é uma das áreas que evolui fortemente neste sentido. Uma das tendências na área da alimentação é o investimento em produtos saudáveis, para quem é adepto do healthy lifeslyle, ou seja, quem busca manter uma alimentação equilibrada sem perder a qualidade e sabor dos produtos.
Uma pesquisa feita pelo Cappra Institute For Data Science revela que mais de sete mil brasileiros falam diariamente nas redes sociais sobre vida saudável e o volume de buscas no Google sobre o assunto supera o número de buscas sobre temas "não-saudáveis", como fast-foods. Para suprir essa necessidade, vemos marcas e consagradas redes de fast-food lançarem versões vegetarianas de seus hambúrgueres mais renomados, por exemplo.
Quando pensamos em vida saudável, raramente pensamos que alimentos naturais como frutas e legumes podem se diferenciar através de alguns processos para adaptarem-se a tal público. Transparência é a palavra que irá reger o mercado agricultor para a nova década. Deixar claro para o consumidor como é cultivado o fruto e qual a procedência do produto já são diferenciais para o mercado. O setor lácteo é outro exemplo de como a rastreabilidade e qualidade na escolha dos insumos tornam-se fatores essenciais no momento da escolha do consumidor. Saber se a empresa mantém um tratamento humanizado com os animais e se os insumos são obtidos de forma responsável já são quesitos fundamentais para um público que cresce cada vez mais.
O fato é que as empresas, de modo geral, precisam se adaptar às exigências do mercado consumidor, mas aquelas que conseguirem manter elevado padrão de qualidade e ainda assim oferecer opções saudáveis e saborosas, certamente conquistarão o público. Eis uma boa fórmula de crescimento com consistência.
leia mais notícias de Empresas & Negócios
Comentários CORRIGIR TEXTO