Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 30 de setembro de 2019.
Dia da Secretária. Dia do Jornaleiro.

Jornal do Comércio

Empresas & Negócios

COMENTAR | CORRIGIR

Responsabilidade Social

Edição impressa de 30/09/2019. Alterada em 30/09 às 03h00min

Pet Day DC busca ajuda para animais

Ação envolve uma campanha de arrecadação de ração para animais abandonados

Ação envolve uma campanha de arrecadação de ração para animais abandonados


FREEPIK.COM/DIVULGAÇÃO/JC
Eduardo Lesina
A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que existem mais de 30 milhões de animais abandonados no Brasil. Mesmo sem a precisão concreta dos números sobre o tema, basta uma volta pelas ruas para se deparar com cães e gatos vagando em situação de abandono pelas cidades. A relação entre o homem e animal pode ser tão afetuosa quanto cruel.
A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que existem mais de 30 milhões de animais abandonados no Brasil. Mesmo sem a precisão concreta dos números sobre o tema, basta uma volta pelas ruas para se deparar com cães e gatos vagando em situação de abandono pelas cidades. A relação entre o homem e animal pode ser tão afetuosa quanto cruel.
Para apresentar uma reflexão sobre o tema e reforçar o afeto entre as famílias e os animais, o DC Shopping em Porto Alegre realiza, no dia 5 de outubro, o evento "Pet Day DC". Nesta edição, a ação também envolve uma campanha de arrecadação de ração para entidade que trabalha no acolhimento de animais abandonados.
Segundo o levantamento do Instituto Pet Brasil - que analisou o país inteiro - cerca de 170 mil animais abandonados estão sob o cuidado de ONGs. Um desses exemplos é o Pata Dadas, beneficiada pelo evento. A iniciativa surgiu na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) em 2009, em um episódio de maus tratos sucessivos a animais, como envenenamento, agressões e afogamento.
Em 2011, tornou-se uma Ação de Extensão da Ufrgs e, desde setembro de 2015, o Patas Dadas formalizou-se como uma associação sem fins lucrativos, mantendo o propósito de resgatar animais em situação de abandono e proporcionar atendimento veterinário até a adoção. Além dos cuidados com a saúde dos animais, a entidade busca criar conscientização da população da importância da adoção responsável.
No decorrer dos últimos anos, o Jornal do Comércio acompanhou as dificuldades enfrentadas pela organização, que chegou a acumular uma dívida de R$ 20 mil em função de novos resgates e do cuidado com os acolhidos. Com a superlotação do canil e os prejuízos financeiros, o projeto já teve suas atividades interrompidas por quatro vezes desde sua criação. Como forma de auxiliar a entidade, o Pet Day DC realiza uma campanha de doação de ração para os animais sob os cuidados da associação.
Com a campanha de arrecadação como diferencial dos eventos anteriores, os estandes para recebimento das doações já se encontram no espaço de realização da ação. Além disso, no dia de realização do evento haverá um ponto de venda de ração, para facilitar as doações destinadas ao Patas Dadas. Outra novidade é a parceria com o projeto de arquitetura DU99, que realiza trabalho com voluntários na ideia de otimizar espaços públicos e entidades assistenciais.
Utilizando a área a céu aberto do DC Shopping, os organizadores prometem um circuito Agility e brincadeiras coordenadas pela Poa Dogs, para os visitantes caninos. Com a ideia de ser um ambiente propício para um programa familiar, a organização do Pet Day DC também apresenta: bazar com produtos do universo pet, food trucks, fotógrafos com cenários específicos nas lojas, inspirados na temática animal e uma piscina de bolinhas na área de recreação pet.
A ideia de construir um ambiente familiar também se concentra na expectativa da superintendente do DC Shopping, Marise Mendes Mariano. "O DC já é conhecido como um shopping de família, até por causa do espaço a céu aberto. A ideia é que as famílias aproveitem o local e registrem os momentos com seus animais de estimação". Segundo a superintendente, a organização do Pet Day DC espera mais de duas mil pessoas no próximo sábado.
Além das feiras com produtos e dos aparatos recreativos, o evento também busca adentrar na área de conscientização sobre a vida animal. Das 11h às 18h30, a Confraria PET apresenta entrevistas e bate-papos sobre: alimentação natural e dicas com um nutrólogo; direito dos animais, com a participação de um advogado especializado e dicas de comportamento canino, com profissionais da Poa Dog's. Além dos pontos de coleta de ração para o Patas Dadas, a associação também irá expor seus produtos para vendas e fotos dos animais para adoção.
"Buscamos agregar ao nosso consumidor final um novo atrativo, ao mesmo tempo que buscamos ajudar o Patas Dadas e trabalhar no processo de informar a população sobre especificidades", conta a superintendente. Ainda, o evento apresentará atividades mais artísticas, com o show de Agility, também com a Poa Dog's, bem como um desfile dos animais de estimação. O Pet Day DC tem entrada gratuita e vai das 10h às 18h no próximo sábado. Como o evento acontece a céu aberto, a organização alerta para transferência da ação em caso de chuva.
leia mais notícias de Empresas & Negócios
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia