Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 08 de abril de 2019.
Dia Mundial do Combate ao Câncer.

Jornal do Comércio

Empresas & Negócios

COMENTAR | CORRIGIR

Leitura

Edição impressa de 08/04/2019. Alterada em 08/04 às 03h00min

Sucesso

Para o empresário Rogério Cauduro, 10 regras são determinantes para as pessoas que desejam alcançar a independência financeira. No livro "As 10 leis do sucesso financeiro", o diretor e administrador das empresas Cauduro e Óthima e gestor da marca esportiva Poker, apresenta os itens que considera ser a base para uma melhor educação financeira.
Na obra, o autor lista as 10 regras as quais são indispensáveis aos empresários e gestores que visam um crescimento de capital, assim como a quem busca otimizar os seus próprios ganhos. No âmbito das regras, a primeira delas traz um fundamento necessário para o estabelecimento de qualquer política de atuação. No caso: planejar seu orçamento e antecipar seus resultados futuros. Nesse sentido, o autor aponta à importância de um bom planejamento, os melhores critérios para avaliação de gastos e o destaque para as oportunidades encontradas.
As diretrizes apresentadas na obra são seguidas por dicas de como ganhar dinheiro com a força do trabalho, rendimentos e seu patrimônio construído. Após isso, o próximo passo é o reforça à regra de gastar dinheiro apenas com as reais necessidades e com investimentos. Ainda, Cauduro explica em um de seus "mandamentos" a importância de se guardar recursos para se ter segurança, liberdade e menos custos extras. A análise do empresário une os itens, destacando a importância de tomar o controle das próprias finanças e não ser controlado por elas.
As 10 leis do sucesso financeiro; Rogério Cauduro; Oikos; 308 páginas; R$ 50,00.
 

Economia

Em 2030, estima-se que a população mundial terá alcançado o patamar de 9 bilhões de habitantes. Isso significa que serão quase 3 bilhões a mais de pessoas consumindo uma variedade de produtos e serviços. Para lidar com a iminente exaustão de vários recursos naturais, aliadas aos problemas decorrentes do excesso de resíduos gerados por um consumo dessa magnitude, impõe-se um novo paradigma de negócios: a economia circular.
Em "Economia Circular: conceitos e estratégias para fazer negócios de forma mais inteligente, sustentável e lucrativa", Catherine Weetman estabelece as bases deste conceito que tem ganhado força ao redor do mundo. Nesse sentido, a autora oferece uma perspectiva estratégica para que empresas e organizações se ajustem a fim de enfrentar essa nova realidade. Através das estratégias e dos conceitos que se relacionam com a economia circular, Catherine transborda os preceitos básicos e atinge o pensamento sustentável e, ao mesmo tempo, voltado para os ganhos.
Indo além do conceito tradicional de sustentabilidade, passando por temas como economia compartilhada e outras questões pertinentes, "Economia Circular" é um verdadeiro mapa de oportunidades para as próximas décadas. A economia circular é a nova arena na qual os mais diversos tipos de negócios estarão inseridos em um futuro próximo.
Economia Circular: conceitos e estratégias para fazer negócios de forma mais inteligente, sustentável e lucrativa; Catherine Weetman; Autentica Business; 544 páginas; R$ 98,90.

Inovação

Refletir a necessidade de atualizar e aprofundar sistematicamente os conceitos, análises, estatísticas e estudos de casos de inovação em empresas e organizações é cada vez mais necessário para se manter forte no mercado. O livro "Gestão da inovação: uma abordagem estratégica, organizacional e de gestão de conhecimento" apresenta uma ideia de planejamento condizente com as novas relações econômicas.
Inovações disruptivas vêm emergindo com maior velocidade nos últimos tempos. Paulo Tigre, autor da obra, põe luz aos termos relacionados à inovação e amplia os horizontes sobre as relações deles com a sociedade atual.
A maior visibilidade dessas inovação estão principalmente ligadas às tecnologias da informação e da comunicação, em função da combinação inédita de conhecimentos que vinham sendo desenvolvidos de forma independente até pouco tempo atrás. A conversão desses elementos incluem a crescente da Inteligência Artificial, Internet das Coisas, BigData, Blockchain, robótica e realidade virtual - tecnologias que vêm sendo integradas em conceitos como indústria 4.0, por exemplo.
Com os termos e ideias, Tigre apresenta na publicação a ideia de repensar a logística organizacional através dessas e de outras relações da tecnologia com a gestão de uma empresa. Nesse sentido, o livro também monitora os avanços dessas tecnologias e aplicações nas organizações.
Gestão da inovação: Uma abordagem estratégica, organizacional e de gestão de conhecimento; Paulo Tigre; Elsevier; 288 páginas; R$ 122,00.
leia mais notícias de Empresas & Negócios
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia