Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 15 de março de 2019.
Dia Mundial do Consumidor. Dia da Escola.

Jornal do Comércio

Automotor

COMENTAR | CORRIGIR

Importados

Edição impressa de 15/03/2019. Alterada em 14/03 às 01h00min

Novos modelos Mercedes-AMG chegam ao Brasil com potentes motores V8

Bancos e portas revestidos em couro vermelho são opção exclusiva da versão C 63 S

Bancos e portas revestidos em couro vermelho são opção exclusiva da versão C 63 S


MERCEDES-BENZ/DIVULGAÇÃO/JC
A sigla AMG significa máxima performance e estilo diferenciado dentro da linha de automóveis Mercedes-Benz. Três desses sofisticados esportivos desembarcam no mercado nacional: C 63, C 63 S e C 63 S Coupé, com respectivos preços de R$ 499.900,00, R$ 546.900,00 e R$ 555.900,00.
O exterior dos novos C 63 ostenta uma exclusiva grade do radiador com barras verticais em cromo de alto brilho. A vista lateral é marcada pelas saias aerodinâmicas e pelas rodas de liga-leve de 19 polegadas com acabamento escuro. Na traseira, duas ponteiras de escapamento duplas e um novo difusor, mais aparente, conferem um visual agressivo.
Internamente, o requinte do revestimento em couro dos bancos contrasta com o aspecto futurista da fibra de carbono aplicada no painel. O quadro de instrumentos é totalmente digital e exibe as informações em uma tela de 12,3 polegadas, com três modos de visualização: "Classic", "Sporty" e "Supersport".
Por meio de um menu exclusivo da AMG, o motorista tem acesso a dados adicionais voltados à direção esportiva, como temperatura do óleo do motor e da transmissão; status dos sistemas de tração, suspensão, transmissão e controle de estabilidade; força G; torque e potência do motor.
Falando em propulsor, o Mercedes-AMG C 63 usa um V8 biturbo de 4.0 e preparação especial, que rende 510 cv de potência e 700 Nm de torque máximos. Além de turbocompressores posicionados no interior das bancadas de cilindros, a unidade motriz utiliza injeção direta de gasolina com aspersão controlada e conta com um esquema de resfriamento que assegura alto desempenho mesmo sob condições extremas de temperatura.
O "rugido" desse V8 ganha volume devido à um sistema de escapamento com flap variável. Discreto na condução normal, o som encorpa quando o motorista pisa fundo no acelerador, transmitindo emoção extra a quem está ao volante.
Trabalhando junto com esse motor está a transmissão AMG Speedshift MCT 9G, de nove marchas, como o nome indica, e tempos de troca mais curtos. Uma embreagem de partida molhada (em banho de óleo) substitui o conversor de torque, reduzindo peso e otimizando o tempo de resposta à aceleração.
Com ajuste eletrônico, a suspensão do C 63 proporciona tanto dinamismo como conforto. A arquitetura é de quatro braços no eixo dianteiro e multilink independente no eixo traseiro.
A regulagem adaptativa dos amortecedores vem de série. Esse recurso totalmente automático e controlado eletronicamente adapta o amortecimento de cada roda às necessidades do momento, incrementando a segurança da condução e a suavidade na rodagem.
Por meio de um comando no console central, o motorista escolhe entre três diferentes conjuntos de características de amortecimento: "Comfort", "Sport" e "Sport ", indo de um comportamento mais dócil a um mais arisco.
Para deixar a dirigibilidade ainda mais eficiente, os modelos C 63 e C 63 S ainda são equipados com um bloqueio de diferencial eletrônico. O dispositivo reduz o escorregamento da roda interna nas curvas, sem recorrer a intervenções nos freios. Assim, o veículo permanece mais estável nas frenagens em alta velocidade e entrega melhor tração ao acelerar rapidamente nas arrancadas e saídas de curvas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia