Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 19 de outubro de 2018.
Dia do Profissional de Informática. Dia da Inovação.

Jornal do Comércio

Automotor

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado

Edição impressa de 19/10/2018. Alterada em 19/10 às 01h00min

Mercedes adota tecnologia inédita no Classe C 2019

Segurança valorizada por recursos como frenagem adaptativa e controles eletrônicos de tração e estabilidade

Segurança valorizada por recursos como frenagem adaptativa e controles eletrônicos de tração e estabilidade


MERCEDES-BENZ/DIVULGAÇÃO/JC
Os modelos C 180, C 200 e C 300, produzidos no Brasil desde março de 2016, sofreram aprimoramentos importantes. A família de sedãs estreia nas concessionárias da marca em novembro, com quatro versões - C 180 Avantgarde, C 180 Exclusive, C 200 EQ Boost e C 300 Sport.
A principal atração é o C200 EQ Boost, que traz uma característica inédita: uma rede elétrica adicional de 48 volts, com um motor de arranque/alternador unificado acionado por correia (tecnologia batizada de BSG).
O novo motor turbo a gasolina, de 1.5 litro com 183 cv de potência e 280 Nm de torque, que equipa o C 200 EQ Boost, assim como seus componentes elétricos tradicionais, como as luzes, são alimentados por uma rede de 12 volts. A rede adicional de 48 volts e o BSG permitem funções adicionais que ajudam a diminuir o consumo de combustível e a incrementar o desempenho.
Nas acelerações, o BSG pode acrescentar 14 cv e 160 Nm ao rendimento do propulsor antes da total ativação do turbocompressor. Nas reduções de velocidade, o motor elétrico funciona como um alternador, recuperando energia cinética e carregando a bateria.
A Mercedes-Benz retocou o design dianteiro da família Classe C com a adoção de um novo para-choque. Os grupos óticos dianteiros e traseiros também foram reestilizados, exibindo contornos mais definidos.
Internamente, o Classe C ganhou requinte extra, com acabamentos amadeirados e novas combinações de cores. Nas duas versões mais caras, o sedã oferece conjunto de instrumentos totalmente digital, com três interfaces distintas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia