Porto Alegre, domingo, 18 de outubro de 2020.
Dia do Médico.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 18 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Gente

- Publicada em 10h39min, 18/10/2020. Atualizada em 11h01min, 18/10/2020.

Morre Mário Lanznaster, presidente da Aurora Alimentos

Empresário, que dirigia a cooperativa há 13 anos, tinha tumor no fígado

Empresário, que dirigia a cooperativa há 13 anos, tinha tumor no fígado


AUTORA ALIMENTOS/DIVULGAÇÃO/JC
O empresário Mário Lanznaster, presidente da Cooperativa Central Aurora Alimentos, faleceu neste domingo (18), no Hospital Unimed, em Chapecó, em Santa Catarina, aos 80 anos.
O empresário Mário Lanznaster, presidente da Cooperativa Central Aurora Alimentos, faleceu neste domingo (18), no Hospital Unimed, em Chapecó, em Santa Catarina, aos 80 anos.
Considerado um dos maiores líderes do cooperativismo brasileiro das últimas décadas, Lanznaster vivia um delicado quadro de saúde desde 2018 em razão de um tumor no fígado. Apesar da doença, trabalhou normalmente até o último dia 11, logo depois foi internado para nova assistência médico-hospitalar. Ele faleceu na madrugada deste domingo.
Lanznaster presidia a Aurora Alimentos desde 2007 e estava em seu quarto mandato. Antes, presidiu a Cooperativa Agroindustrial Alfa de 1997 a 2009. Por dois anos (de 2007 a 2009), exerceu simultaneamente as presidências da Aurora e da Alfa.
Nascido em 30 de junho de 1940, em Presidente Getúlio (SC), Lanznaster era formado em Agronomia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e em Engenharia de Segurança do Trabalho pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Cooperativista há 46 anos, o empresário também foi suinocultor e produtor de milho, feijão, soja e trigo.
Nos 13 anos em que comandou a Aurora Alimentos, Lanznaster implementou um programa de investimentos na estrutura industrial e na produção pecuária, consolidando um grupo cooperativista-empresarial-industrial que emprega diretamente mais de 34 mil trabalhadores e processa 1 milhão de aves/dia, 25 mil suínos/dia e 1,5 milhão de litros de leite/dia, com receita operacional bruta superior a R$ 12 bilhões por ano.
Casou-se com Edirce Lanznaster em 1970, com quem teve quatro filhos: Márcia, Fabiano, Fernando e Juliana. Lanznaster tinha seis netos e residia em Chapecó.
As honras fúnebres serão prestadas no Ginásio de Esportes da unidade Frigorífico Aurora Chapecó II (FACH II), à Rua Antônio Morandini, no Bairro SAIC, em Chapecó, a partir das 12 horas deste domingo.
Comentários CORRIGIR TEXTO