Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Lavouras

- Publicada em 13h02min, 24/09/2020.

Plantio da área destinada à Abertura Oficial da Colheita do Arroz é iniciado

Evento ocorrerá em fevereiro de 2021 em Capão do Leão 

Evento ocorrerá em fevereiro de 2021 em Capão do Leão 


IRGA/DIVULGAÇÃO/JC
A semeadura da área destinada ao ato oficial da 31ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas teve início nesta semana. O evento ocorrerá pela terceira vez consecutiva na Estação Experimental Terras Baixas, da Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão, nos dias 9, 10 e 11 de fevereiro de 2021. O tema será “Os novos rumos do sistema de produção”.
A semeadura da área destinada ao ato oficial da 31ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas teve início nesta semana. O evento ocorrerá pela terceira vez consecutiva na Estação Experimental Terras Baixas, da Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão, nos dias 9, 10 e 11 de fevereiro de 2021. O tema será “Os novos rumos do sistema de produção”.
Conforme o coordenador do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) Zona Sul, André Matos, responsável técnico pela área das lavouras no evento, o plantio começou pelas áreas da Basf e da FMC. “No espaço da FMC foram utilizadas as cultivares 424 RI do Irga e BRS Pampeira da Embrapa”, destacou. A 424 RI lidera o ranking das dez cultivares mais utilizadas no Rio Grande do Sul na safra 2019/2020, com 49,6% da área semeada. Já a BRS Pampeira apresenta boa adaptabilidade, atingindo produtividades acima de 12 toneladas por hectare observadas em lavouras comerciais no Estado.
A Abertura Oficial da Colheita do Arroz do próximo ano conta com uma área total de 9 hectares, sendo que 5,8 hectares são de áreas de lavouras demonstrativas de arroz, soja, milho e pastagens. O evento tem realização da Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), correalização da Embrapa e apoio do Irga.
Comentários CORRIGIR TEXTO