Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 22 de maio de 2018.
Dia do Apicultor.

Jornal do Comércio

Geral

CORRIGIR

Ensino Superior

Notícia da edição impressa de 23/05/2018. Alterada em 22/05 às 22h37min

MEC autoriza campus da Feevale em Campo Bom

A universidade Feevale, sediada em Novo Hamburgo, recebeu, do Ministério da Educação (MEC), um parecer favorável ao credenciamento de seu terceiro campus. A nova unidade fica em Campo Bom, em um prédio doado pela prefeitura do município, junto ao Feevale Techpark, e pleiteava o reconhecimento há cerca de três anos.
A ratificação da Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres), ligada ao MEC, indica que há condições para o credenciamento do campus e também dos cursos de graduação a serem ofertados. O Conselho Nacional de Educação (CNE) também homologou a criação do novo polo.
A partir de agora, a universidade aguarda a publicação de uma portaria do MEC para dar início às atividades em Campo Bom. Estão previstas para o local, por ora, a oferta de graduações de Medicina Veterinária e Engenharia Biomédica.
A reitora da Feevale, Inajara Vargas Ramos, comemorou a avaliação da Seres e do CNE. "Em breve, poderemos iniciar as atividades no Campus III, que, para nossa satisfação, foi autorizado com a mesma autonomia que temos para a sede e para o Campus I. Isso significa que não precisaremos pedir autorização ao MEC para a oferta de cursos, ocorrendo essa necessidade apenas para a Medicina Veterinária, em razão de não termos nenhum curso ofertado e reconhecido nesta grande área do conhecimento", explica.
Com 48 anos de atividades, a universidade atende cerca de 19 mil alunos em mais de 50 cursos de graduação e tecnológicos em seus dois campus de Novo Hamburgo.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia