Porto Alegre, domingo, 15 de março de 2020.
Dia Mundial do Consumidor. Dia da Escola.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Mercado Financeiro

02/05/2018 - 11h25min. Alterada em 02/05 às 11h25min

Após feriado, negócios na Bovespa sofrem ajuste em dia de decisão de juro nos EUA

O Ibovespa abriu a sessão de negócios, nesse dia após o feriado, renovando mínimas dentro de um movimento considerado de ajustes em relação à queda das ADRs que foram negociadas na terça-feira, 1º de maio, em Nova Iorque. O índice EWZ, que mede o desempenho de ADRs de empresas nacionais mais negociadas, recuou 1,25% na terça-feira (1) em linha com a desvalorização vista no segmento de commodities.
O Ibovespa abriu a sessão de negócios, nesse dia após o feriado, renovando mínimas dentro de um movimento considerado de ajustes em relação à queda das ADRs que foram negociadas na terça-feira, 1º de maio, em Nova Iorque. O índice EWZ, que mede o desempenho de ADRs de empresas nacionais mais negociadas, recuou 1,25% na terça-feira (1) em linha com a desvalorização vista no segmento de commodities.
Após o início do pregão onde se negocia o índice à vista todas as blue chips, que fazem parte do índice EWZ se desvalorizavam. Destaque para Itaú Unibanco PN, com queda de 2%, um dia depois de reportar lucro acima do esperado por analistas.
Petrobras, seguia também a queda na cotação do petróleo no mercado internacional. A Bolsa brasileira chegou na mínima intraday aos 85.116 pontos. Às 10h50min, perdeu o patamar dos 85 mil pontos, em uma nova mínima intraday aos 84.935,31 pontos (-1,37%).
Durante o dia, o olhar dos investidores se volta para a decisão de política monetária a ser anunciada pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) no período da tarde. Muito embora a perspectiva seja de que o banco central dos Estados Unidos não antecipe a elevação dos juros para esta reunião, os indicadores de inflação mais forte divulgados recentemente trazem incerteza para o radar e aumentam a expectativa com relação ao comunicado.
Os gastos com consumo (PCE) vieram em 2% em março e o índice dos gerentes de compras (PMI) da indústria americana subiu para 56,5 em abril, o maior resultado desde dezembro de 2014. E, pouco antes do fechamento deste texto, saiu o dado de emprego no setor privado nos Estados Unidos, mostrando geração de 204 mil postos em abril, acima das expectativas de analistas (190 mil vagas).
Pontualmente, por aqui, as ações devem refletir notícias corporativas, envolvendo Itaú Unibanco e Eletrobras. A instituição financeira, cujas ações têm maior peso na carteira teórica, divulgou na terça-feira no fim do dia lucro líquido recorrente de R$ 6,42 bilhões no 1º trimestre de 2018, superando levemente a expectativa do mercado de R$ 6,37 bilhões, como também 3,9% acima do visto no mesmo período de 2017 (R$ 6,17 bilhões).
Já Eletrobras assinou acordo para encerrar a ação coletiva em curso contra a companhia no Tribunal do Distrito Sul de Iorque.