Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 31 de maio de 2018.
Corpus Christi. Dia Mundial de Combate ao Fumo.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Carlos Pires de Miranda

Gastronomia

homem na cozinha

Notícia da edição impressa de 01/06/2018. Alterada em 30/05 às 23h54min

Sugestões para todos

SENAC-RS/DIVULGAÇÃO/JC
Depois de tantos dias de incertezas, porque os transportadores decidiram nos submeter às agruras de um locaute, fica arriscado sugerir restaurantes na cidade. Então, esta página hoje se volta a sugestões que estão ou estarão ao alcance de quase todos: uma receita com filé de salmão (pode ser outro peixe, de custo mais acessível), item sempre disponível nos supermercados; drinques à base de saquê, capazes de aquecer o inverno que vem aí; e a sugestão de um verdadeiro shopping de gastronomia em São Paulo, para ser incluída em sua próxima passagem pela capital gastronômica do continente.
Ingredientes indispensáveis para seguir vivendo, nessa nau sem rumo chamada Brasil: toneladas de paciência - sim, mais ainda do que temos tido neste século - e consciência na hora do voto, dentro de quatro meses.
Salmão em crosta de gergelim ao molho de maracujá
Ingredientes (cinco porções):
  • 1 kg de filé de salmão sem pele
  • 200 g de gergelim branco cru
  • 100 g de gergelim preto cru
  • azeite
  • sal e pimenta
  • 1 maracujá
  • ½ xicara de suco concentrado de maracujá
  • ½ xicara de água
  • 1 xicara de açúcar
Modo de preparar:
  1. Cortar o salmão em pedaços de 200 gramas, temperar com sal e pimenta.
  2. Misturar o gergelim branco com o preto, lambuzar um dos lados do salmão nessa mistura e reservar.
  3. Retirar a polpa do maracujá com as sementes e colocar em uma panela. Acrescentar suco, água e açúcar e levar ao fogo brando, fervendo até engrossar. Reservar.
  4. Aquecer uma frigideira com um pouco de azeite e grelhar os filés, começando pelo lado da crosta. Virar quando estiverem dourados e mantê-los no fogo até dourarem também este lado.
  5. Retirar os filés e distribuí-los em uma travessa, com as crostas para cima. Despejar sobre eles o molho aquecido, ou servir separadamente.
  6. Acompanhamentos sugeridos: arroz branco, legumes na manteiga, purê de mandioquinha ou batatas sautés.
Enviada por Franciane Merli Badalotti

Três drinques com saquê

Coconut Honey

Coconut Honey


AZUMA KIRIN/DIVULGAÇÃO/JC
Coconut Honey
  • 50ml de saquê dourado
  • 10 ml de mel
  • 2 fatias de gengibre
  • água de coco
  • 1 fatia de limão siciliano
Adicionar saquê, mel e gengibre a um copo longo, macerar suavemente o gengibre para tirar os aromas. Colocar gelo, completar o copo com água de coco e misturar com uma colher. Decorar e aromatizar a borda do copo com o limão.
Pepper Strawberry
  • 50ml de saquê soft
  • 10 morangos frescos
  • 3 colheres de açúcar
  • 5 gotas de Tabasco
Colocar ingredientes em um liquidificador, bater até ficar uma mistura bem homogênea. Passar para a garrafinha de 300n ml e servir com canudo. Se preferir um copo, decorar com fatias de morango.
Tangerina com gengibre 
  • 50 ml de saquê soft
  • 3 morangos
  • 4 gomos de bergamota
  • 2 de fatias de gengibre
  • 3 colheres de açúcar
Em um copo longo, colocar morango, tangerina, gengibre e macerar. Completar o copo com gelo, adicionar saquê e misturar bem com uma colher.
Receitas enviadas por Azuma Kirin

A Itália em São Paulo


GLADSTONE CAMPOS/DIVULGAÇÃO/JC
Desde que surgiu, há exatos dois anos, o Eataly está na minha agenda como visita obrigatória em São Paulo. Por uma ou outra razão, ainda não cumpri. Mas o depoimento de um casal amigo, somado a fotos e informações que tenho recebido da assessoria do empreendimento, me impelem a repassar a sugestão aos leitores.
Trata-se do maior mercado de gastronomia e produtos artesanais italianos do mundo, encravado na badalada Vila Nova Conceição. O espaço tem 4,5 mil metros quadrados em três andares e foi inspirado no primeiro Eataly, fundado há uma década em Turim. Ali se podem saborear pratos variadíssimos, em sete restaurantes temáticos, ou simplesmente comprar vinhos e outras bebidas e produtos artesanais italianos - no total, são sete mil itens, de carnes a sorvetes, de pães a Mozzarella fabricada lá mesmo, de pescados a livros.
O Eataly cozinha tudo o que vende e vende tudo o que cozinha, o que significa que quase todos os ingredientes usados nos restaurantes podem ser encontrados no mercado. Esse princípio vale para as 29 lojas Eataly no mundo: 15 na Itália, nove no Japão, duas nos Estados Unidos, uma em Dubai, outra em Istambul e, a maior de todas, em São Paulo.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia