Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 22 de maio de 2018.
Dia do Apicultor.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 23/05/2018. Alterada em 22/05 às 20h48min

Não há vagas I

CLAITON DORNELLES /JC
Uma das ruas mais curtas da cidade, a Inácio Montanha, que vai da Olavo Bilac até a Jerônimo de Ornelas, bairro Santana, abrigava um enorme estacionamento, que se prologava até a rua Santana. Pois amanheceu fechado. Ao que se sabe, o local abrigará duas torres residenciais. Toda aquela área de Porto Alegre é carente de estacionamento, situação piorada pela "ambulancioterapia".

Não há vagas II

As vans e ônibus de prefeituras do Interior devoram diariamente qualquer espaço disponível, para desgosto dos moradores. Em determinadas horas, há ameaças de congestionamento nas duas ruas estreitas. Fregueses de restaurantes da região também o utilizavam. O bairro inteiro pode colocar aquela placa "não há vagas". Em outros bairros, também acontece a mesma situação.

Erros móveis

S ão muitos os modelos de carros com apenas uma luz de ré, então, como faz o vivente para estacionar à noite do lado que não a tem? Outro equipamento mal pensado é pisca com luz vermelha em vez de amarela. Passa despercebido, principalmente quando o motorista pisa no freio. E, por favor, montadoras, coloquem também nas motos o pisca que volta à neutralidade depois de fazer a conversão.

Eu sou você amanhã

A liberação da venda de maconha no Uruguai não reduziu a criminalidade, ao contrário. Chegou a ponto tal que o governo uruguaio pediu ajuda ao Exército. Pesquisa feita pelo Opción Consultores aponta que 74% dos uruguaios (de todos os campos políticos) aprovam a medida, 22% estão contra, e 4% não têm opinião ou não sabem, comenta o deputado federal gaúcho Osmar Terra (MDB).

Agora, vamos

Com a oficialização da candidatura do ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles, o MDB vai tentar um lugar ao sol e deixar de ser apenas amigo do rei. Desde 1994, o hoje MDB não tinha candidato a presidente - o último foi o ex-governador paulista Orestes Quércia, que não chegou lá.

Animais de raça

O Grande Expediente de hoje na Assembleia Legislativa será dedicado à Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), presidida pelo advogado e criador de Cavalo Árabe Leonardo Lamachia. A homenagem, que acontecerá a partir das 14h, foi proposta pelo deputado Frederico Antunes (PP).

O risco do Mercado

O perigo é descaracterizar o Mercado Público de Porto Alegre, como aconteceu em Florianópolis, diz o leitor Antonio A. D'Ávila, a respeito da entrega da gestão da área à iniciativa privada. No caso da capital catarinense, acabaram com o mercado histórico. "Grande parte se transformou em lojinhas de calçados e outros artigos de vestuário", reclama.

Bom negócio

Em muitos casos, é mais rentável para o proprietário de um imóvel transformar o espaço em estacionamento por conta própria ou terceirizado do que vendê-lo para as construtoras. Improvisados ou não, estacionamentos são o tipo do negócio com fluxo de caixa constante. Pinga a cada meia hora.

Finais

  • LOJAS Lebes será novamente patrocinadora da Trend Store, atração da Feira Brasileira do Varejo, realizado pelo Sindilojas POA.
  • GLOBAL assina a sua primeira campanha para a Universidade Feevale.
  • SIMONE Leite, presidente da Federasul, fala, amanhã/Casa da Confraria (https://bit.ly/2I4Ggtj), sobre como conciliar maternidade e carreira.

Miúdas

  • BRASILEIROS já são 10% dos mais de 20 mil alunos da Universidade de Coimbra. E aumentando.
  • PORTUGAL também está oferecendo vantagens para atrair empresas brasileiras. Agora, somos nós que descobrimos Portugal.
  • PESQUISA da Fiergs mostra que os empresários gaúchos estão menos otimistas em relação ao futuro da economia.
  • CONFIRMA o sentimento geral. De fato, está todo mundo borocochô.
  • FALECEU, em Lajeado, o comerciante Hilário Colombo, 90 anos, fundador da Calçados Colombo.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia