Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 08 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Alterada em 08/04 às 21h50min

Advogado de Lula acredita em reversão da prisão do ex-presidente

Zanin disse que vê uma motivação política no processo que levou à condenação

Zanin disse que vê uma motivação política no processo que levou à condenação


ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL/JC
Após visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) neste domingo (8), o advogado Cristiano Zanin Martins afirmou que acredita em uma reversão da prisão do petista no Supremo Tribunal Federal (STF). "Acredito. Nós vamos reverter essa decisão porque nem a condenação nem a prisão para cumprimento antecipado da pena são compatíveis com a lei", disse.
Ao ser perguntado se a defesa via Lula como preso político, o advogado respondeu que vê uma motivação política no processo que levou à condenação. "O presidente se considera um preso político", disse.
Zanin afirmou ainda a jornalistas que não anteciparia nenhuma estratégia jurídica ao ser questionado sobre que ferramenta a defesa usaria para reverter a prisão do ex-presidente.
O advogado não quis revelar nenhum conteúdo da conversa e também não respondeu se Lula assistia pela TV ao jogo da final do Campeonato Paulista entre Corinthians e Palmeiras.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia