Porto Alegre, segunda-feira, 23 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Eleitor com deficiência tem cabine especial para votar no Paraguai

Um dos atrativos durante a observação de organismos da União Europeia (UE), Organização de Estados Americanos (OEA) e União Interamericana de Organismos Eleitorais (Uniore) na eleição paraguaia foram soluções para garantir a acessibilidade de eleitores com deficiência. Cabines em área externa (foto) e até que é instalada na porta de carros para o eleitor votar, fazem parte dos equipamentos. O pleito que elegeu o conservador Mario Abdo Benítez, do Partido Colorado, à presidência do Paraguai foi nesse domingo (22) e teve 300 observadores internacionais em todo o país. Pela OEA, a missão somava 40 fiscais e peritos internacionais. Conforme a organização, o grupo realizou “uma análise substantiva em matéria de inclusão das mulheres, financiamento político, uso de tecnologia e organização eleitoral”.
 

FOTO OEA/Fotos Públicas/Divulgação/JC
23/04/2018 - 16h08min