Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 11 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

copa sul-americana

Alterada em 11/04 às 21h28min

Atlético-MG tem atuação ruim e perde para San Lorenzo na estreia da Sul-Americana

Gabriel Gudino comemora o único tento do San Lorenzo contra os mineiros

Gabriel Gudino comemora o único tento do San Lorenzo contra os mineiros


JAVIER GONZALEZ TOLEDO
O Atlético-MG apresentou um fraco futebol e perdeu por 1 a 0 para o San Lorenzo nesta quarta-feira, em Buenos Aires, na Argentina, na estreia das equipes na Copa Sul-Americana. O duelo de volta está marcado para 8 de maio, no estádio Independência, em Belo Horizonte.
Foi a primeira partida do time mineiro após a derrota na decisão do Estadual para o Cruzeiro. Talvez o cansaço por conta da final tenha apagado os principais jogadores. Ricardo Oliveira, Otero, Elias e Luan pouco produziram em campo.
A melhor oportunidade de gol do Atlético veio na primeira jogada da partida. Cazares aproveitou uma saída erra dos zagueiros, roubou a bola, invadiu a área, mas chutou muito fraco e para fora.
O San Lorenzo também não fez uma grande apresentação e chegou ao gol com Gudiño ainda no primeiro tempo em lance que gerou certa polêmica porque o jogador chutou em posição duvidosa, em um momento que o Atlético apresentava mais volume de jogo.
O lance do gol, aos 33 minutos, mesmo após o replay da televisão, ficou difícil estabelecer se o jogador argentino estava ou não em posição de impedimento. Castro chutou da entrada da área, a bola desviou em Blandi e Victor espalmou. Na volta, Gudiño mandou para as redes.
A dúvida ficou se no momento em que a bola desviou em Blandi, Gudiño estava ou não em posição irregular. Aparentemente, ele estava na mesma linha do zagueiro Bremer. Portanto, o gol foi legal.
Na volta do intervalo, o San Lorenzo começou melhor e assustou o goleiro por duas vezes, em cabeceio de Blandi, que bateu na rede pelo lado de fora, e em chute de Díaz, que saiu à esquerda do gol de Victor.
O Atlético aos poucos foi retomando o controle da partida. O time brasileiro conseguia tocar a bola na intermediária e conduzi-la até a entrada da área do adversário. Mas faltava alguém para arriscar o chute e a bola se perdia na tentativa em excesso de girar de um lado para o outro.
O time mineiro agora se prepara para a estreia no Campeonato Brasileiro. No domingo, às 16 horas, visitará o Vasco, em São Januário.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia