Porto Alegre, domingo, 15 de março de 2020.
Dia Mundial do Consumidor. Dia da Escola.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Contas Públicas

02/04/2018 - 10h58min. Alterada em 02/04 às 10h58min

Conselho aprova relatório de monitoramento do RJ do plano de recuperação fiscal

O Conselho de Supervisão do Regime de Recuperação Fiscal do Estado do Rio de Janeiro aprovou o relatório de monitoramento do plano de recuperação fiscal do Estado referente ao mês de dezembro de 2017. A resolução com a aprovação do documento está publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 2, que traz também em anexo o relatório simplificado sobre a execução do Plano de Recuperação Fiscal (PRF-RJ) e sobre a evolução da situação financeira do Estado referente ao mês de dezembro de 2017.
O Conselho de Supervisão do Regime de Recuperação Fiscal do Estado do Rio de Janeiro aprovou o relatório de monitoramento do plano de recuperação fiscal do Estado referente ao mês de dezembro de 2017. A resolução com a aprovação do documento está publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 2, que traz também em anexo o relatório simplificado sobre a execução do Plano de Recuperação Fiscal (PRF-RJ) e sobre a evolução da situação financeira do Estado referente ao mês de dezembro de 2017.
O objetivo do relatório, segundo o texto publicado, é monitorar o cumprimento do PRF-RJ sobre quatro aspectos: o acompanhamento da execução das medidas de ajuste e seus impactos; a evolução dos resultados orçamentários e financeiros, com as medidas compensatórias caso necessárias; a observância das vedações; e a avaliação dos riscos fiscais e passivos contingentes.