Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Partidos

Notícia da edição impressa de 09/03/2018. Alterada em 08/03 às 22h36min

PP gaúcho lança corrente interna de viés liberal

O PP gaúcho lançou, na quinta-feira, o Movimento Progressistas pela Liberdade, corrente formada por filiados da sigla identificados com ideais liberais. A proposta é defender um sistema de liberdades individuais subordinadas ao Estado de Direito, na democracia como forma de escolher os governantes e na limitação do governo.
A presidência é do vereador de Porto Alegre Ricardo Gomes, que critica o tamanho do Estado como uma das causas do atraso econômico no País. "Nossos serviços são, em regra, insuficientes, caros e indisponíveis. Hoje, o Estado não provém o mínimo à população, graças a políticas equivocadas e falta de prioridade por parte do poder público", disse, no evento de criação do movimento.
O evento de lançamento contou com a presença dos cerca de 50 membros da nova corrente; deputados estaduais; o presidente do PP, Celso Bernardi; o vice-prefeito de Porto Alegre, Gustavo Paim; e o presidente do Instituto de Previdência do Estado (IPÊ), Otomar Vivian.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia