Porto Alegre, quinta-feira, 15 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Lula recebe 'fechamento de corpo' de tribos indígenas durante o Fórum Social Mundial

Ao chegar, nesta quinta-feira (15), para participar do Encontro Internacional Parlamentar - evento do Fórum Social Mundial, que acontece em Salvador (BA) -, o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva foi recepcionado por diversas etnias indígenas que também participam do fórum e recebeu um "fechamento de corpo", ritual de proteção indígena. Mais tarde, ao discursar durante a cerimônia, o pré-candidato à Presidência da República voltou a criticar os agentes responsáveis pela Operação Lava Jato, defendo que  não cometeu crime algum e que não será preso. Segundo Lula, o "Supremo é o garantidor da Constituição e se não funcionar, o País estará perdido". Lula foi condenado a 12 anos e 9 meses de prisão pela 2º turma do TRF-4 pelo caso do triplex. O Fórum Social Mundial é organizado por movimentos sociais e ONGs com o objetivo de debater soluções para diminuição da desigualdade social e acontece até o próximo sábado (17). 
 

FOTO RICARDO STUCKERT / INSTITUTO LULA/JC
15/03/2018 - 19h43min