Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

notas

Notícia da edição impressa de 28/03/2018. Alterada em 27/03 às 21h04min

Notas

Amistosos - Sem contar com Messi e Di María, a Argentina levou 6 a 1 da Espanha, em Madri. Outros resultados de amistosos realizados ontem: Inglaterra 1x1 Itália, Suíça 6x0 Panamá, Rússia 1x3 França, Romênia 1x0 Suécia, Bélgica 4x0 Arábia Saudita, Austrália 0x0 Colômbia, Dinamarca 0x0 Chile e Tunísia 1x0 Costa Rica.
Divisão de Acesso - Jogos de hoje pela sexta rodada: Aimoré x Santa Cruz (19h), Ypiranga x Igrejinha (19h), Bagé x Guarani-VA (19h30min), Glória x União Frederiquense (20h), Esportivo x Passo Fundo (20h) e Lajeadense x Inter-SM (20h30min).
Tênis - A equipe do Brasil na Copa Davis não terá Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva, seus tenistas de simples mais experientes, para o duelo com a Colômbia, em Barranquilla, nos dias 6 e 7 de abril, assim como Bruno Soares, nas duplas. Para este confronto do Zonal Americano, o capitão João Zwetsch convocou Thiago Monteiro, João Pedro Sorgi e Guilherme Clezar. Marcelo Melo e Marcelo Demoliner serão os duplistas.
Tênis 2 - Rafael Nadal voltará às quadras em abril. O espanhol, que se recupera de uma lesão na perna esquerda, fará seu retorno na Copa Davis, contra a Alemanha, nos dias 6, 7 e 8 de abril. O confronto será disputado na Plaza de Toros, famosa arena de touradas de Valência.
Basquete - Em assembleia geral da CBB, Carlos Nunes, ex-presidente da entidade máxima do basquete nacional, foi suspenso por dez anos e está proibido de se eleger a qualquer cargo do órgão ou em outros filiados durante este prazo. A decisão foi tomada após a apresentação de um relatório que constatou uma dívida acumulada cujo passivo, até dezembro do ano passado, era de R$ 38 milhões.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia