Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 25 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Gaúcho

Notícia da edição impressa de 26/03/2018. Alterada em 25/03 às 21h41min

Grêmio arrasa o Avenida e fica perto da decisão

Arthur (c) e Luan, de pênalti, marcaram os dois primeiros gols

Arthur (c) e Luan, de pênalti, marcaram os dois primeiros gols


LUCAS UEBEL /GRÊMIO FBPA/JC
Sem precisar de muito esforço, o Grêmio derrotou o Avenida por 3 a 0, ontem, no estádio dos Eucaliptos, em Santa Cruz do Sul, e encaminhou sua classificação para a decisão do Campeonato Gaúcho. O time do Vale do Rio Pardo, que já havia obtido uma façanha ao chegar às semifinais pela primeira vez, deve parar por aí. Afinal, para seguir adiante, precisa golear o Tricolor em plena Arena, na quarta-feira, um feito considerado improvável até pelos torcedores mais otimistas.
Com Maicon poupado e Geromel na seleção, o técnico Renato Portaluppi escalou sua equipe com as alterações esperadas - Bressan na zaga e Arthur no meio. Desde o início, o Grêmio encurralou o oponente, que mal conseguia alcançar o campo adversário. Após algumas conclusões frustradas pela defesa do Avenida, o Tricolor abriu o placar com um chute de fora da área. Aos sete minutos, Ramiro recebeu de frente para o gol, bateu com o pé esquerdo e acertou o ângulo do goleiro Fabiano. Três minutos depois, em contra-ataque rápido, Jael cruzou na área, e a bola tocou o braço de Itaqui. Luan cobrou o pênalti com categoria, fazendo o segundo.
Com uma vitória por 2 a 0 em dez minutos de jogo, a impressão era de que a equipe iria "amassar" os donos da casa. Porém, a vantagem parece ter diminuído o ímpeto dos gremistas, que começaram a ceder espaços para a equipe de Santa Cruz atacar. A partir dos 30 minutos, o Avenida enfileirou uma série de escanteios e arremates perigosos, com boas intervenções de Marcelo Grohe e até mesmo de Cortez.
As chances, no final do primeiro tempo, fizeram com que os donos da casa retornassem do vestiário motivados em tentar, pelo menos, um gol - e, depois disso, quem sabe, buscar o empate. Aos três minutos, isso quase aconteceu, mas Cortez salvou ao desarmar Alexandre. Logo em seguida, Cléverson, sem querer, evitou um gol de Luís Henrique.
Passada a pressão inicial da segunda etapa, o Tricolor retomou as rédeas do jogo e não deu mais sopa para o azar. Já aos 12 minutos, em um lance no melhor estilo futsal, Everton recebeu de Arthur na entrada da área e devolveu para o volante, que limpou a marcação e bateu sem chances para Fabiano: 3 a 0.
Depois disso, à exceção de uma bela bicicleta de Welder que Grohe espalmou, só deu Grêmio. Portaluppi ainda aproveitou a vantagem para testar jogadores que tiveram poucas oportunidades, como Thonny Anderson e Hernane "Brocador". Em uma boa tabela entre os dois, aos 39, o segundo quase marcou o quarto gol, mas Fabiano evitou com uma grande defesa. No fim das contas, mesmo tirando o pé algumas vezes e vencendo por "apenas" três gols, o Tricolor mostrou que garantir a vaga na final é uma questão de tempo.
Na sexta-feira, a direção gremista, finalmente, encerrou a "novela" envolvendo André, ao anunciar, oficialmente, a contratação do atacante junto ao Sport até dezembro de 2021. O atleta já concluiu os exames médicos e será apresentado hoje. 
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia