Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

CORRIGIR

Energia

Alterada em 22/03 às 14h03min

'Não vamos aprovar um projeto apenas por aprovar', diz Eunicio sobre Eletrobras

Eunício relembrou que a região Nordeste "passa dificuldades" por causa da seca

Eunício relembrou que a região Nordeste "passa dificuldades" por causa da seca


VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL/JC
O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), considera que o projeto de lei de privatização da Eletrobras só será aprovado no Senado se prever a destinação de parte dos recursos para as áreas da segurança pública e do meio ambiente. O texto atualmente é analisado em uma comissão especial da Câmara. "Essa questão do projeto da Eletrobras precisa ser debatida, a gente precisa saber para onde vai o dinheiro. Não vamos aprovar um projeto aqui apenas por aprovar um projeto", disse Eunício Oliveira.
Ele relembrou que a região Nordeste "passa dificuldades" por causa da seca. "A gente precisa destinar recursos novos para que possam ser incorporados à questão da segurança pública e de recursos hídricos. Vamos para o sétimo ano de seca no Ceará, por exemplo. Então precisamos revitalizar as fontes dos rios e olhar essa questão do meio ambiente com muito cuidado", defendeu.
Eunício garantiu que a proposta será debatida na Casa, mas disse que, se o texto não contemplar essas questões, "obviamente o Senado vai emendar", ou seja, fazer alterações. Neste caso, a matéria teria que voltar para análise da Câmara.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia