Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

crédito

Notícia da edição impressa de 09/03/2018. Alterada em 08/03 às 22h36min

Nova diretoria do Bndes vai reduzir intermediação financeira para pequena empresa

O presidente do Bndes, Paulo Rabello de Castro, declarou que o banco pretende criar uma nova diretoria dentro da instituição, que deve cuidar de um projeto que elimina a necessidade de intermediadores financeiros na concessão de crédito a micro e pequenas empresas. O projeto deve ser votado no próximo dia 13.
"Semana que vem, vai ser aprovada a nova diretoria do chamado banco digital dentro do Bndes. Esse banco digital é a fintech Bndes, que vai criar uma plataforma para fazer o fornecedor, aquele membro da Abimaq, vender direto ao seu cliente", disse Rabello, que foi o principal convidado de um almoço-debate do Lide - Grupo de Lideranças Empresariais.
"Espero que, com isso, reduza-se drasticamente o spread final. Segundo nossas contas, dependendo do risco do cliente, poderemos trabalhar com taxas anuais inferiores a 12% nessa nova fintech", disse Rabello, lembrando que esse segmento é um dos que o banco ainda não consegue chegar. "Hoje, o Brasil conta com cerca de 4 milhões apenas das microempresas, e nós ainda estamos penando para chegar ao primeiro milhão", disse.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia