Porto Alegre, domingo, 15 de março de 2020.
Dia Mundial do Consumidor. Dia da Escola.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

comércio exterior

08/03/2018 - 10h32min. Alterada em 08/03 às 10h33min

Trump deve definir tarifas à importação de aço e alumínio nesta quinta-feira

A assinatura do decreto sobre o tema pode ocorrer ainda hoje (8) durante reunião na Casa Branca

A assinatura do decreto sobre o tema pode ocorrer ainda hoje (8) durante reunião na Casa Branca


AFP/JC
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta manhã em sua conta oficial no Twitter que está "ansioso" por uma reunião às 17h30 (de Brasília). Na pauta do encontro estará a questão das tarifas que Trump anunciou na semana passada e que impõem tarifas às importações de aço e alumínio. Segundo a imprensa americana, a assinatura do decreto sobre o tema pode ocorrer ainda na tarde de hoje.
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta manhã em sua conta oficial no Twitter que está "ansioso" por uma reunião às 17h30 (de Brasília). Na pauta do encontro estará a questão das tarifas que Trump anunciou na semana passada e que impõem tarifas às importações de aço e alumínio. Segundo a imprensa americana, a assinatura do decreto sobre o tema pode ocorrer ainda na tarde de hoje.
"Estou ansioso para a reunião de hoje às 15h30 (17h30 de Brasília) na Casa Branca. Nós temos de proteger nossos setores de aço e alumínio, enquanto ao mesmo tempo mostrar grande flexibilidade e cooperação com aqueles que são verdadeiros amigos e nos tratam de modo justo tanto no comércio como na questão militar", afirmou Trump.