Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 01 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

CORRIGIR

comércio

Alterada em 01/03 às 14h31min

CNC estima crescimento de 2,7% da economia brasileira neste ano

Agência Brasil
A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estimou hoje (1°), crescimento de 2,7% para a economia brasileira em 2018. A projeção foi feita depois da divulgação dos dados do Produto Interno Bruto (PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O PIB cresceu 1% em 2017, após dois anos de recessão.
Em nota, a CNC destaca que as condições que propiciaram a retomada do crescimento econômico no ano passado estão minimamente preservadas, mas há espaço significativo para a queda dos juros na ponta aos consumidores e ao setor produtivo.
"Assim, considerando um cenário ao final do ano, no qual a inflação esteja próxima de 4% e os juros básicos em 6,5%, a entidade revisou de 2,6% para 2,7% sua expectativa de crescimento da economia brasileira para 2018", diz a nota.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia