Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Automotor

COMENTAR | CORRIGIR

Caminhões

Notícia da edição impressa de 09/03/2018. Alterada em 08/03 às 22h36min

Hyundai Caoa apresenta novo modelo leve versátil

Construído em aço, chassi possui sistema de travessas parafusadas e rebitadas para maior resistência

Construído em aço, chassi possui sistema de travessas parafusadas e rebitadas para maior resistência


HYUNDAI CAOA/DIVULGAÇÃO/JC
O veículo foi projetado para atender às necessidades de clientes dos mais variados ramos de atuação, desde autônomos e frotistas até órgãos do governo e grandes empresas. Preço competitivo e versatilidade são trunfos do HD 80, que, disponível em versão única de acabamento, custa R$ 118.800,00. Entre as opções de implementos que podem ser nele instalados estão baú carga seca, baú isotérmico, baú frigorífico, carroceria aberta, plataforma de guincho, cesto aéreo e food truck.
Externamente, a cabine do HD 80 exibe uma nova grade frontal. O interior conta com mais novidades: quadro de instrumentos e console central foram redesenhados, e houve a introdução de um computador de bordo.
O caminhão leve vem equipado com motor diesel biturbo de 3.0 litros e quatro cilindros, com intercooler, injeção common rail e sistema EGR (que dispensa o uso do Arla), fornecido pela FPT Industrial. O propulsor entrega potência máxima de 170 cv a 3.500 rpm e torque de 400 Nm entre 1.500 e 2.200 giros, ou seja, principal faixa de operação.
A transmissão é manual de cinco marchas, com embreagem servoassistida, que torna o acionamento do pedal mais leve. O câmbio é ligado ao diferencial traseiro por um novo eixo cardã, com dois segmentos balanceados em conjunto.
O diferencial traseiro tem relação entre pinhão e cremalheira mais curta que a do antecessor, para melhorar o desempenho. O HD 80 adotou sistema de freios pneumático no lugar do hidráulico utilizado pelo seu antecessor, além da Tecnologia Antitravamento das Rodas (ABS).
O Peso Bruto Total (PBT), que é o resultado da soma do peso total do caminhão e da sua capacidade de carga, aumentou de 7,8 mil quilos no HD 78 para oito mil quilos no HD 80. Isso significa 5.263 quilos de capacidade de carga, contando com o implemento, que normalmente pesa cerca de 800 quilos - ou seja, é possível transportar como carga líquida um máximo de 4.463 quilos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia