Porto Alegre, sábado, 03 de fevereiro de 2018.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Rio sofre com onda de violência em período de comemorações de Carnaval

Uma das cidades mais badaladas do País durante o Carnaval, o Rio de Janeiro vem enfrentando uma onda de forte violência. Apenas neste sábado (3), em menos de 24 horas, pelo menos sete pessoas foram baleadas, incluindo casos de assaltos, disputas entre traficantes e milicianos e um tiroteio na Rocinha. Na última quinta-feira (1º), militares das Forças Armadas voltaram às vias expressas e rodovias da cidade para mais uma ação de combate à criminalidade (foto). Com bloqueios de curta duração abordagem de veículos, o objetivo é contribuir para a diminuição dos índices de roubo de carga e combater o contrabando de armas e drogas no Estado. Ao todo, estão disponíveis para as operações 3 mil militares da Marinha, Exército e Aeronáutica, com apoio de veículos blindados e aeronaves. Conforme a CNC, o Rio de Janeiro e de São Paulo juntos deverão responder por 62% dotal da arrecadação da receita do turismo durante o Carnaval. Somente o Rio de Janeiro deverá registrar receita de R$ 1,9 bilhão.
 

FOTO Tânia Rêgo/Agência Brasil/JC
03/02/2018 - 14h55min