Porto Alegre, segunda-feira, 16 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

moedas virtuais

01/02/2018 - 16h04min. Alterada em 01/02 às 16h04min

Bitcoin cai abaixo de US$ 9 mil pela primeira vez desde novembro

O bitcoin caiu abaixo dos US$ 9 mil nesta quinta-feira pela primeira vez desde novembro de 2017, de acordo com a CoinDesk, principal consultoria de moedas digitais.
O bitcoin caiu abaixo dos US$ 9 mil nesta quinta-feira pela primeira vez desde novembro de 2017, de acordo com a CoinDesk, principal consultoria de moedas digitais.
Desde que atingiu o pico de US$ 20 mil no fim de dezembro, o bitcoin já caiu 55%. A queda se deve ao aumento das análises regulatórias e ameaças de banimento da parte da Coreia do Sul. O país representa cerca de 20% da movimentação de criptomoedas.
O bitcoin também foi atingido pela alta de outras moedas virtuais, com sua principal rival, ethereum, chegando a US$ 1 mil.