Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 24 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Alterada em 24/01 às 09h08min

Militantes se concentram em frente ao prédio onde mora Lula

Folhapress
"Aqui tem um bando de louco. Louco por moradia." A paródia do grito de guerra da torcida do Corinthians embala um grupo de cerca de 50 militantes do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) que se concentra na frente do prédio onde mora o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Vestidos de vermelho, empunhando bandeiras do movimento e batucando instrumentos de percussão o grupo se classifica como "o povo sem medo de lutar".
Três grupos de seguranças vestidos de preto observam os protestos, um em cada esquina e quatro homens em frente à portaria do prédio. São cerca de 30 guarda-costas ao todo.
Alguns motoristas passaram buzinando e gritando o nome de Jair Bolsonaro (PSL-RJ), candidato à Presidência. Não houve tumulto por enquanto. O presidente Lula permanece dentro do prédio.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia