Porto Alegre, sábado, 20 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

No Peru, papa pede preservação da natureza e da cultura indígena

Em sua primeira missa no Peru, o papa Francisco pediu nesta sexta-feira (19) a preservação da Amazônia dos interesses dos "grandes negócios e da ganância consumista" e chamou o tráfico de pessoas de "escravidão". Ele criticou a "pressão exercida pelos interesses dos grandes negócios" buscando petróleo, gás, madeira e ouro e afanando "insumos a outros países sem se preocupar com seus habitantes". Representantes de povos nativos de todo o Peru entraram no estádio da cidade junto com o papa, a maior parte deles usando vestimentas tradicionais, cocares, instrumentos e falando suas línguas nativas. 
 

FOTO VINCENZO PINTO/AFP PHOTO/JC